terça-feira, 30 de maio de 2006

Kalou

Não é estranho ir para o Chelsea. Melhor, não é estranho ter estado nas cogitações do Benfica?

segunda-feira, 29 de maio de 2006

A equação é simples

Agostinho Oliveira, sendo formado em filosofia, devia saber que não é com vinagre que se apanham moscas. Melhor, até pode ser, não é, no entanto, com aquele vinagre. Ainda que estivesse a cumprir ordens superiores, não devia ter sacrificado os interesses de uma selecção.
O que não quer dizer que, antes dos AA, seja importante ganhar títulos. Não. Importante é aprender o que é a competição, para ganhar quando isso é importante: nas grandes competições dos AA!
Assim, até pode ser que esta estrondosa derrota venha, no futuro e com bons seleccionadores - como, por exemplo, Scolari -, a dar dividendos. E não estou a fazer a apologia das vitórias morais. Limito-me, outrossim, a sintetizar o que, penso, devia ser a formação.
NB - é uma pena ver Nani, Vaz Tê e Diogo Valente no banco. E Ivanildo nem sabe porque é que não foi chamado...

sexta-feira, 26 de maio de 2006

Só para avisar...


Foto: Correio da Manhã

Que este senhor acabou de ganhar as eleições de Outubro com a vinda de Rui Costa para o Benfica...

O verdadeiro nº10

Rui Costa saíu do Benfica em 1994 porque Manuel Damásio pediu 1.2 milhões de contos com a intenção de não haver ninguém que estivesse disposto a pagar tal valor.

No entatno, Antognoli e a Fiorentina resolveram apostar no miúdo que tinha marcado um golo espantoso contra Mark Bosnich, no Mundial de Juniores, e que assim passou do Fafe para o Benfica de Eriksson num ápice.

Ao longo dos anos, Rui Costa nunca escondeu o seu benfiquismo, tendo até chorado na Luz, quando apontou um golo ao mítico Michel Predu'Homme, num jogo de apresentação do Benfica aos associados.

12 anos depois, Rui Costa está de volta ao clube que o lançou para a ribalta e para a fama e que propocionou o primeiro passo para o estrelato mais tarde alcançado com a conquista de um Liga dos Campeões.

Como se tem a ideia de que o senhor é um homem sério, e vendo que tudo tem o seu tempo resolveu abandonar a Selecção Nacional em boa hora, nunca deixando de criticar o que tinha de ser criticado.

Com este regresso, e num mundo onde as receitas começam a valer cada vez mais, a vinda de Rui Costa para o Benfica é um excelente negócio em termos de merchandising. Será que é também a solução para a maior parte dos problemas do actual Benfica? Creio que não...

No entanto, sê benvindo a esta tua casa!

O fim das "B"?

E se fosse o Benfica a impingir um treinador, 4 ou 5 jogadores e uma política desportiva? Será que não é uma nova "B", na mesma divisão?

quarta-feira, 24 de maio de 2006

é só para que te apercebas que acabou a simpatia

Ainda o homem não foi anunciado e já os "espertos" do regime começam a apontar o dedo. Acabou-se a simpatia oficial, começa o desprezo geral. Acontece aos melhores. Que geralmente gostam de acabar as grandes carreiras tal e qual como começaram: de vermelho e branco, com a águia sobre a roda que mora no peito.
Por fim, o pitoresco da história: é, para muitos, incrível como não traíste o GLORIOSO. Ainda que fosse por isso, e eu sei que não é, já merecias acabar em grande estilo. E se esperares uma época, talvez, embora tenha fortes dúvidas que, em vez de subir, não desça, marques um golo virado para o castelo de D. Afonso...

Um recital de bola...

Em Braga. Mas oferecido pelos franceses... e as vedetas a verem. Só gostava de perceber, se é que é possível, o que é que Diogo Velente e Vaz Té faziam no banco. Deve ser impressão minha, mas já sei qual é o seleccionador influenciável...

terça-feira, 23 de maio de 2006

Por falar em óptimo...

Saganowski em detrimento de Marcel...

Benachour para nº10...

E pegar nos melhores putos da B...

É preciso mais??

É só para lembrar ao companheiro do blog:

o bom é inimigo do óptimo

Uma vitória

Se o Benfica, no dia 3 de Julho, no arranque da nova época, tiver todo o plantel constituído, será a primeira vitória de Fernando Santos.
Para tal, é fundamental saber quais são os reforços que o técnico entende como essenciais, ir ao mercado e negociá-los. Katsouranis, por exemplo, seria uma excelente opção para um dois sectores mais fragilizados do plantel. Deviam juntar-lhe Madrid...

segunda-feira, 22 de maio de 2006

Só uma achega..

Desde sexta-feira que os jornais dizem que Rui Costa anda a rescindir contrato com o AC Milan.

Uma pergunta: Quantos contratos Rui Costa tem com o AC Milan?

Boa opção

Não sendo a melhor das opções, o Eng. Fernando Santos não deixa, por isso, de ser uma boa opção. Pelo menos teremos um treinador dedicado, experiente e que não deixará a Liga portuguesa para segundo plano. Entre o Mr. Donuts e um estrangeiro arrogante, prefiro, de longe, o Eng.. Só fico incomodado se para vir o Rui Costa abdicarmos do Pires...

sexta-feira, 19 de maio de 2006

Não é que eu não tenha avisado, mas...

Começa a ver-se um pouco aquilo que eu e mais gente desta ilustre praça nos referíamos quando criticávamos José Veiga e a sua pandilha.

O que aqui interessa não é comentar a dispensa de Geovanni, ou o propalado interesse em Carlos Queirós, que fez no mesmo dia, duas capas de jornal.

O que está aqui em causa é mais uma vez, a gestão do tão aclamado gestor do futebol, que em três anos, está a conseguir minar um plantel que, apesar de limitado, era unido e era a base para se chegar a um bom porto como foi o da época passada.

A dispensa de vários jogadores, como aqui se afigura é a ponta do icebergue e a saída ao fim de um ano de Trapattoni e de Koeman também parece indiciar qualquer coisa...

Não gostam muito dele e do trabalho dele? Agora amanhem-se...

A Grande Aposta

Se se confirmar a contratação de Queirós, a quantas jornadas do fim vamos perder o campeonato? A confirmar-se a dispensa de Geovanni, o que é que andamos aqui a fazer? Estou incrédulo!

terça-feira, 16 de maio de 2006

Politiquices

Critica-se Scolari por deixar Quaresma nos sub-21 e omite-se a convocação de Ricardo Costa. No mais, tudo certo: Scolari treina um clube e a Federação deixa. Se assim apresentar resultados...
No entanto, se Boa Morte ficasse de fora, a injustiça não seria maior? E se fosse Simão ou Figo? Já para não falar de Ronaldo... 4 extremos chegam e sobram. E ainda há Miguel. Aflige-me, mais, a injustiça cometida em relação a Nunes. Mas convinha que o Porto levasse alguém à Alemanha...

segunda-feira, 15 de maio de 2006

A seita dos amigos

A lista dos 23 saíu finalmente e o Record amanhã pode-se orgulhar de ter tido o exclusivo proporcionado pelo jornalista que há mais tempo acompanha a Selecção e a quem Scolari lhe deu mais uma oportunidade para escrever, para além das mini-crónicas que faz no pasquim.

Para além disso, também estou à espera que Costinha seja o primeiro a penitenciar-se a exigir ao seu amigo Scolari que o deixe ficar cá em Portugal, uma vez que não estando em forma, não faz sentido que vá até à Alemanha.

Curiosamente, todos os jornalistas sabem onde Ricardo Costa janta. Ricardo Costa e mais jogadores que frequentam certos restaurantes em Vila Nova de Gaia. E para além de saberem onde Ricardo Costa janta, também sabiam que ele iria ser convocado, apesar de ser também ele pouco utilizado no seu clube. Curioso foi a maneira de tratamento: para a RTP, R.Costa falou sentado, para a SIC, falou em pé.

Maniche também deve estar bastante agradecido pelo facto de ser convocado depois de uma época no seu melhor. Certamente que Pinto da Costa não se deverá pronunciar sobre esta escolha de Scolari, mas gostaria de ouvir o Presidente do FC Porto se pronunciar sobre as escolhas de Bruno Vale e de Ricardo Costa.

A lista afinal não era dificil de escolher e de acertar. Scolari não explicou os não-convocados, não explicou o objectivo da selecção e Madaíl pediu o apoio do público. O meu, garantidamente, não terá! Acompanharei com a naturalidade normal que acompanho uma competição e não serei daqueles que andará a bradar aos céus a clamar por uma vitória no Mundial por simples razões: não temos um treinador, não temos um presidente e há selecções bem melhores que nós. Tudo o resto é treta...

domingo, 14 de maio de 2006

Ninguém pergunta?

- Carlos Freitas será administrador da SAD e desenvolve o mesmo papel que José Veiga no Benfica. Está há três anos em Alvalade sem ganhar nada, é um homem do "sistema", é adepto do FC Porto e desempanha as mesmas funções que Veiga no Benfica, incluíndo as comissões de transferências de jogadores. O problema é que os sócios do Sporting aceitam isso com uma naturalidade inacreditável...

- Pinto da Costa, ontem no seu orgasmo anual na casa do FC Porto de Lisboa, disse que já sabia que o CNID ia atribuir o seu prémio a Quaresma e que o mesmo jogador iria ser convocado para o Europeu de Sub-21 em detrimento do Mundial. Não refeito, optou pela sua habitual "ironia", como lhe chamam os nossos jornalistas e exigiu o título mundial porque Scolari não tinha convocado Quaresma e Baía. O que dirão os adeptos do FC Porto de Pinto da Costa, já que não ganharam a Liga dos Campeões este ano, perdendo jogos com o Artmedia, uma vez que têm jogadores capazes de serem campeões do Mundo? E os jornalistas, porque é que não perguntaram como é que Pinto da Costa tinha tido o exclusivo antes deles???

- Entretanto, ao jantar, Isaltino Morais deu o jantar habitual que reúne os principais representantes da festa que é a Final da Taça. No mesmo jantar, Isaltino, Pinto da Costa, Joaquim Oliveira, Valentim Loureiro, Jorge Santana e outros juntaram-se à mesma mesa, onde um juíz impoluto teria muito gosto em passar um mandato de captura...

- O Benfica enganou-se na competição e ganhou o torneio de Moçambique que foi disputar de borla. Se foi disputar de borla, porque é que houve jogadores que foram para Moçambique para jogarem só um jogo e depois voltarem para casa? E se o discurso de Vieira nesta altura é o de guardar sempre surpresas, só espero que não venha outro "Beto" ou outro "Marcel" para alegria do pobre adepto benfiquista...

quinta-feira, 11 de maio de 2006

Não acredito em milagres

- PSV indemnizar o Benfica pela desvinculação de Koeman;
- Rangers pretender Robert;
- Eriksson quase...

Confissões

- Estou?
- Oi. Tudo bem?
- Sim. Pode fazer-me um favor?
- Sempre.
- Publica uma lista que segue pelo nosso amigo comum.
- O quê?
- Sim. Uma lista. É só para ver as reacções...
- OK. Mas já sabe...
- Eu sei. O exclusivo, depois, é seu.

quarta-feira, 10 de maio de 2006

O desapontamento

Quando a maioria da blogosfera estava à espera que Jesualdo fosse para o Restelo, que Pontes fosse para o Braga e que outros tomariam certos destinos, eis que os homens da bola decidiram dar uma volta a isto.

Se Jesualdo vai para o Bessa, a ida de Carvalhal para Braga é a que levanta mais dúvidas. Parecendo que não, os negócios ainda se vão mantendo e a Lacatoni, da qual Carvalhal é proprietário, ainda vai ser a fornecedora de equipamentos da equipa principal da cidade dos Arcebispos.

Para além disso, a RTP já avançou hoje com dois nomes para o cargo de treinador do Benfica que me deixam muito preocupado, a serem verdade: Carlos Queirós e Fernando Santos.

Se a qualidade de liderar um plantel deixa muito a desejar no caso do Professor, já o Engenheiro não percebe nada do que faz, exceptuando o competitivo campeonato grego...

Assim sendo, resta esperar pelos próximos dias e por mais uma semana de notícias para o ar...

Vai ser bonito de ver!

Jesualdo no Bessa e Carvalhal em Braga... Admito que vai ser uma época atibulada. E já imagino o Professor com um sorriso malandro!
Quanto a Manuel Machado, o que é que se passa? Os administradores das SAD´s andam loucos?

terça-feira, 9 de maio de 2006

E se...

... Paulo Bento não ficasse no Sporting?

Muito Obrigado...

- Pela presença nos quartos-de-final da Champions League (aliás, o local onde o Benfica deve estar quase sempre)

- Pelos momentos patéticos e com vontade de rir que nos propocionaste com as exibições do Beto, do Manduca e do Marcel

- Por algumas respostas críticas que muitos não compreenderam

Mas mesmo assim, não deixas saudades. Afinal só ganhaste uma Supertaça...

Adeus e boa viagem!


Fonte: Gettyimages

segunda-feira, 8 de maio de 2006

Negócios do futebol português - I

Tinha o FC Porto acabado de se sagrar Campeão Europeu e a razia que houve no plantel azul e branco teve propostas tentadoras de vários cantos do Mundo, optando por escolher um onde o petróleo tem alguma importância, especialmente nos últimos tempos.

É aí que aparece o Dinamo de Moscovo, como que aparecendo num nevoeiro e desembolsa cerca de 16 milhões de euros por Maniche, 4 milhões por Costinha, 10 milhões por Seitaridis e 8 por Derlei. Um total de 38 milhões de euros por 4 jogadores, perto de 8 milhões de contos (na moeda antiga) que foram deixados nos cofres russos.

Entretanto, um ano e meio depois, Costinha treina no Restelo à revelia do clube moscovita, Maniche foi emprestado ao Chelsea, mercê da influência de Mourinho e Abramovich, restando apenas o defesa grego e o avançado brasileiro.

Com oito jornadas realizadas no campeonato russo, o Dinamo conseguiu ontem averbar a 7ª derrota, tendo apenas 1 ponto no campeonato russo. Já se fala em lista de dispensas e Seitaridis é um dos nomes referenciados, bem como Enakarhire (ex-Sporting).

As voltas que o mundo dá...

Postas de um fim-de-semana diferente

Diferente, porque já não via o Belenenses descer de divisão há algum tempo...

Diferente, porque para justificar essa descida, Couceiro preferiu falar no árbitro do que na sua incompetência para treinar...

Diferente, porque o V.Guimarães também desceu e levou à ira e à raiva os seus adeptos tão queridos de qualquer localidade que queira ser vandalizada...

Diferente, porque o Sporting vai à Liga dos Campeões, esperando que não seja a vergonha que foi da última vez que lá esteve...

Diferente, porque o Nacional e o seu Presidente conseguiram chegar à UEFA pelo 2º ano consecutivo em 4 anos no escalão principal do futebol português...

Diferente, porque o Benfica encaixou três golos de um Paços de Ferreira e porque ficaram à mostra as fragilidades técnicas de um treinador holandês...

Diferente, porque Sá Pinto afinal vai continuar a jogar à bola e a atrasar o estilo de jogo do Sporting, contribuindo assim para mais um "quase" campeonato...

Segunda com eles!

O Benfica perdeu 4 pontos em casa com equipas que desceram. Mais 3 fora. 7 pontos que fizeram a diferença. Se lhe juntarmos os pontos entregues à Naval, Académica, Paços de Ferreira...
Assim, bem que Koeman pode tentar explicar a posição com os jogos em casa...
PS - a descida do Belenenses só surpreendeu quem não percebe que apostar em treinadores pela estética (Carvalhal e Couceiro) não leva a lado nenhum. Fico à espera do campeonato que o Braga vai fazer...

sexta-feira, 5 de maio de 2006

Surpresa?

Mais uma grande surpresa em perspectiva. Será o "Beto", a saída de Koeman ou a célebre "surpresa será não haver surpresas..."

terça-feira, 2 de maio de 2006

Adenda

Um dos nossos mais fiéis leitores - o lup 51 - tem apresentado, nas caixas de comentários, críticas objectivas e merecedoras de aplausos, invocando a troca de treinadores como uma possível causa de um possível sequeiro...
Não digo que não. Mas afirmo, sem pestanejar, que o motivo da eventual demissão de Koeman não se deve, só, à sua incompetência (que, aliás, está provada à saciedade). Deve-se, sobretudo, à sua estupidez, tacanhez e falta de compreensão do fenómeno em que está inserido. E esse motivo é bastante.

segunda-feira, 1 de maio de 2006

Tiros e mais tiros...

- O inespugnabile vem a terreno pedir a demissão de Koeman. A bom tempo vem! Ainda não acabou a época, mas convém começar a preparar a nova época, ainda para mais, com a pré-eliminatória da Champions logo no início de Agosto. De preferência com uma remodelação do departamento de futebol e não só do treinador...

- Aliás, esta tem sido a minha insistência já há algum tempo, para o Benfica não voltar a tornar-se num entreposto de jogadores, que entram e saem num corropio constante, onde a qualidade não melhor significativamente...

- Por falar em qualidade, a qualidade do jogo do novo Campeão Nacional foi ontem abrilhantada por uma equipa de arbitragem de Hélio Santos, que não conseguiu ver dois foras-de-jogo ao FC Porto e conseguiu ver um do V.Guimarães, que fez com que a festa do título não saísse assombrada...

- Em Vila do Conde, o Sol intenso que brilhava nos Arcos ofuscou Ricardo e o fiscal de linha que acompanhava o ataque do Sporting na primeira parte. Também parece ter ofuscado o discurso de João Eusébio, que faz como muitos treinadores, que mantém sempre os seus discursos coerentes. Quando jogam com o Benfica, é porque são roubados, quando jogam com os outros, os outros merecem ganhar, apesar do brio dos seus jogadores...

- Por falar em injustiças, até acho que é pena clubes como o Rio Ave, o Gil Vicente e outros que vivem sempre (mas sempre) com a corda na garganta, que jogam remetidos à defesa não tenham ainda carimbado a passagem à Liga de Honram, que é o lugar para quem não ambiciona ganhar...

- De realçar também que o Prof.Neca está de volta aos principais palcos (???) do futebol português. O Desp.Aves fez uma recuperação fantástica, com um suporte extraordinário, conseguindo colocar o Olhanense no 5º lugar e relegando o Leixões para mais uma época na Honra. Vão estar de volta as falinhas mansas, teoricamente pensadas do ex-Seleccionador dessa grande potência que eram as Ilhas Maldivas...

- Aliás, a Comunicação Social anda ávida de algo. Não sei se é por não haver guerras, se é de baterem sempre no mesmo, ou se as vendas assim o exigem, mas a qualidade e a performance dos nossos jornalistas em se preocuparem sempre com o mesmo cria um estado de saturação que começa a ser passível de perda de paciência...

- Por fim, e fazendo um breve comentário, aquele que prometeu que não voltava com a palavra atrás e que depois não podia dizer nunca, voltou e ganhou com 75% dos votos a eleição do clube dos viscondes. Ganhou a legitimidade para continuar junto do sistema (bancário, neste caso) e de ainda voltar a ganhar dinheiro (profissionalmente) com a venda dos imóveis em Alvalade. Quem quis acreditar nesta história, deu-lhe o poder. Depois não se queixem... (Bem sei que é difícil, porque é o que os homens de Alvalade melhor sabem fazer...)

Tiro fatal

Koeman suicidou-se. Ponto final parágrafo. As suas declarações são inadmissíveis, indignas e irreais. Se fosse seu superior hierárquico, já nem ia a Paços. Ficava ao lado do Robert, a ver o Benfica por um canudo.