sexta-feira, 31 de outubro de 2008

Meia década

Que dizer desta presidência de Vieira?
Do ponto de vista admnistrativo foram gastos cinco anos a pagar dívidas de Damásio e Vale, a construir um Estádio (que julgo orgulhar qualquer Benfiquista), a construir um Centro de Estágio que teve execução nada fácil (há leitores deste blog que o sabem melhor que ninguém), a angariar mais sócios em cinco anos que nos 15 que os antecederam, a renovar o pagamento de quotas através do débito directo, que permitiu maior estabilidade nas receitas (há quem tenha saudades das filas para pagar as quotas?), há mais, mas não tanho capacidade de explanar esses itens de forma inteligente.
Do ponto de vista desportivo, em cinco anos três títulos no futebol, é de facto pouco.
Mas infelizmente, a expressão "amor à camisola" só é interiorizada por muito poucos séniores.
Um dos quais nem foi formado no Clube, e veio da zona do Porto.
Se temos capacidade para ter ido buscar os jogadores que tanta esperança nos dão, é porque temos um Presidente que aguentou ser alvo das mais diversas críticas (lembro-me bem do charivari que houve quando Simão foi contratado), aguentou firme anos a fio sem dinheiro para contratar jogadores que sirvam a História do Clube, sacrificou a possibilidade eleitoral futura por entender que só havia uma pessoa certa para o secundar, assumiu pastas para as quais sabia não ter capacidade, sofrendo na pele as consequências. Mas soube esperar.
Se hoje nos damos ao luxo de discutir sistemas tácticos que potenciem a optimização do plantel, é porque a Vieira o plantel devemos.
Se houve um Presidente que aguentou ser alvo de chacota por não falar um Português gramaticalmente correcto, ter origens humildes, ser alvo de ameaças e sozinho ter sido a voz mais constante na luta contra a podridão que emana do norte futebolístico, e mesmo assim manter-se seguro na defesa de um Benfica sustentável para lá do tempo de mandato, Vieira tem a História do seu lado.
As raízes do Sport Lisboa e Benfica estão no Povo, no Sacrifício pessoal, na colocação do Clube acima de tudo.
Vieira encorpora bem tudo isto. Não é encantador, nem bem falante, mas há oito anos os "notáveis", as "elites", os putativos super-presidentes encolheram-se, ninguém quis pegar na Nau desgovernada, só Vilarinho e Vieira. Aos dois obrigado.
A Vieira, parabéns. Falta fazer muito, mas há 8 anos faltava fazer (quase) tudo.

8 anos que mudaram o mundo!

Depois de Damásio e Azevedo, pensei que o nosso clube nunca mais iria ser o mesmo. Se o primeiro atacou a alma, o segundo desfez o coração e tentou amputar os membros.
8 anos depois tudo é diferente: temos o clube com alma cheia, coração novo e membros musculados.
Se muito devemos a Manuel Vilarinho, muito mais devemos a Vieira: através de arriscadas operações financeiras e garantias patrimoniais próprias, credebilizou o clube e alimentou-nos a esperança.
Muito mais há a fazer (e por isso, Vieira, mais dois mandatos são poucos...). Mas o que está feito deu-me (nos?) vida!
Obrigado!

Ó pai,porque é que o porto contrata sempre quem quer?

Porque, meu filho:
http://www.record.pt/noticia.asp?id=810272&idCanal=17

Agora venham-me cá falar em "redes de prospecção", "posições globalizadas", etc.
Alguém tem de pagar! Felizmente são os sócios do porto!

quinta-feira, 30 de outubro de 2008

os c´s da questão!

Quando era miúdo, miúdo mesmo, a minha mãe contratou um rapaz para estudar comigo. Melhor, para me impor alguns princípios de estudo, regras sólidas e alguma disciplina metodológica.

O rapaz, que aspirava a polícia, chamava-se Victor e nunca mais o vi. Melhor, na verdade, vi-o muitas vezes: aquela preguiça crónica, o bocejo e a falta de tudo aquilo que a minha mãe pensava que o rapaz tinha foram inspiradores para todos os momentos em que não me apetece fazer nada. Felizmente a minha mãe, que sabe muito destas coisas – e de todas as outras -, corrigiu o tiro a tempo.

Das poucas coisas que o rapaz me ensinou foi a escrever o nome correctamente: Victor! Nem o aspirante a agente admitia a falta de c no nome…

Foi, assim, com apreensão que, anos mais tarde, me apercebi que todos os Victores passaram a Vitor. Sem mais.

Serve isto para vos explicar que, ontem, enjoei com as declarações do Director para as Relações Internacionais do Futebol Clube do Porto( DRIFCP – como se de um departamento da judiciária se tratasse).

O homem, que é Vitor sem c, de Bilhete de Identidade e tudo, tentou justificar o injustificável, defendendo Rodriguéz, mas nunca atacando os energúmenos que o agrediram. Nem uma palavra.

Os meus amigos que por aqui passam sabem que sempre gostei do dito, chegando mesmo a dizer que gostava de o ver com a camisola do nosso clube. Achava-o diferente. Quando o vi como dirigente do Freixo desconfiei. Mas, ainda assim, acreditei que pudesse mudar qualquer coisa no estilo e no conteúdo da mensagem, ajudando, com Rui Costa cá em baixo e Pedro Barbosa no lado norte da capital, a que o futebol português melhorasse. Debalde…

Bastaram as palavras de ontem para me aperceber que só o estilo é diferente: tem mais charme que Reinaldo Teles, mas os c´s estão lá todos…

PS – e o que dizer das entrevistas de Pedro Barbosa?

Hóquei

Que diabo se passa com estas equipas do Dantas? Aquilo quando pára, imobiliza de vez...Porra!

quarta-feira, 29 de outubro de 2008

Clube de elite

Se o meu clube tivesse prometido uma homenagem a um qualquer atleta e tivesse de ser o Tribunal da Relação a decidir a questão (impondo a realização de um jogo!), corava de vergonha!

Se esse qualquer atleta fosse um ex-capitão do meu clube, cobria a minha cara de preto!

Se esse qualquer ex-capitão sofresse de uma doença degenerativa, candidatava-me contra a direcção que aceitasse pertencer a essa farsa vergonhosa, afastando os purulentos dirigentes!

Ndrangheta não pode deixar de enviar um abraço de solidariedade a Iordanov!

PS - Penso que o Sport Lisboa e Benfica devia, já, convidar o dito clube para um jogo amigável, cedendo toda a receita a Iordanov.

Diga lá outra vez?

http://www.record.pt/imgs/IMAGENS_111914.jpg


Não conhecia a veia cómica do Pedro Barbosa, mas ao que parece, os Gatos são capazes de ter os dias contados...

Maradona

A confirmar-se a nomeação de Maradona como seleccionador argentino, gostava de saber como é que a FIFA vai, desta vez, inviabilizar o astro de participar num campeonato do mundo!

terça-feira, 28 de outubro de 2008

Calado que nem rato

Não é que a próxima viagem a Guimarães me deixe apreensivo, nem que seja o convidado desse blog que se julga superior a todos e que dá nome à táctica que o querido (pelo menos para o inespugnabile) Quique usa.

Aliás, tudo o que triplo K diga serve sempre para colocar alguém bem-disposto com os verdadeiros disparates que produz sob a forma literária.

Ando mais apreensivo com esse modelo de jogo do que com o blog, propriamente dito. É certo que Quique é conservador e não vai mudar de sistema, mas será esse sistema o melhor para o actual plantel do Benfica? Vamos enquadrar o tema!

O Benfica vive há quatro anos com a esperança de renovar títulos. Este ano não foge à regra e tendo em conta o investimento realizado, não se pode falar em dar tempo ao tempo. Quanto mais não seja porque Suazo e Reyes estão emprestados etorna-se difícl novo empréstimo.

Confesso que sou admirador confesso do 4-3-3 e do 4-1-3-2, já que ambos são compatíveis. Tenho largas reservas ao 4-4-2 clássico que Quique quer impôr na equipa, mas estou a apoiar esta nova fase de transição que o futebol do Benfica naturalmente atravessa.

O que vai ser pedido a Quique pelos sócios é que o Benfica ganhe e seja campeão. Que ninguém tenha dúvidas disso. Cabe à direcção da SAD e aos responsáveis do futebol que passem cá para fora o discurso que querem com a contratação de Quique Flores e com o "ressurgimento" do Benfica, para que as pessoas percebam o que se passa e o que se vai passar. É com essa calma que é preciso trabalhar.

Por isso, vou-me mantendo calado, para não ser acusado de desestabilizador.

Quanto ao 4-4-2, continua a ser uma das minhas passagens diárias da net, para aquelas alturas de divertimento.

Abraços,

Benfica em Guimarães

No próximo domingo jogar-se-á uma cartada importante. Demasiado importante...

segunda-feira, 27 de outubro de 2008

Terceiras impressões

1 - O actual meio campo do Benfica não tem capacidade de pressão. Quique, sabendo-o, prefere subir a linha defensiva, perdendo controlo de jogo. Naturalmente que quem vê o jogo pensa que a equipa joga mal e sem ligação.
Tal não corresponde à verdade: às recuperações de bola têm-se sucedido jogadas rápidas e perigosas.
Ontem, por exemplo, criámos cerca de 7 jogadas de golo.
Sei que não é fácil percebermos que não temos (ainda) condições para dominar e pressionar. Mas quem não tem cão, caça com gato! E Quique parece ser um caçador de mira longa...
2 - A Naval 1.º de Maio sabe o que é futebol... Sábado, os cebolas vão passar dificuldades!
3 - Christian Rodriguez deve andar preocupado: quando já se antevia o par de cornos que nos meteu, passeava em Lisboa como queria, ia às compras ap Pingo Doce da Loja do Cidadão e comprava a roupa que queria. Agora, que vive em Palermo - nas doutas palavras de Mourinho -, deve rezar três vezes por dia!
4 - Simão Sabrosa, o nosso Simão Sabrosa, já é tido como o líder do Atlético de Madrid. Quem é que fica surpreendido?

AH! AH! AH!

Que bela notícia!
Ainda vais é acabar a levar nos cornos, como mereçes, mas dos teus adeptos.
Agora sim, percebeste qual a verdadeira diferença entre o clube do freixo e o Benfica! Só não percebo porque é que não te viraste a eles como te viraste ao puto do aeroporto...
E ainda a procissão vai no adro.....
Só espero que da próxima seja pior!

sexta-feira, 24 de outubro de 2008

A última notícia para o Fim-de-Semana



Muitos parabéns!

E já agora, não façam o mesmo que fizeram no jogo de estreia para o Campeonato quando perdemos com o Beira-Mar por 0-2.

Tenham uma vitória e gorda, de preferência.

VIVA O BENFICA!

Outra notícia para o Fim-de-Semana

Os negritos são meus outra vez...

(via Lusa)

"A SAD do Benfica apresentou resultado líquido positivo em 2007/08 pela segunda vez desde a sua constituição, mas registou uma quebra de mais de 12 milhões de euros de lucro em relação ao último exercício.

De acordo com o relatório referente à última época desportiva, hoje divulgado pela Comissão do Mercado de Valores Mobiliários (CMVM), a justificação relaciona-se com a diminuição drástica dos proveitos operacionais e transferências de futebolistas.

A SAD do clube lisboeta apresenta um lucro de 120.932 euros, contra 12.657.467 em 2006/07, números para os quais contribuiu decisivamente a diferença nos proveitos operacionais: 49.502.763 contra 58.543.208 na época transacta.

Os proveitos com a transacção de futebolistas caíram mais 10 milhões de euros (23.515.011 para 12.984.696), pois "foi tomada a decisão de manter os principais jogadores no plantel, não permitindo o apuramento de mais-valias com transferências de atletas".

"No entanto, é importante realçar que estes resultados foram alcançados num ano em que o desempenho da equipa de futebol não atingiu os patamares exigíveis", justifica o documento.

Quase todos os proveitos operacionais diminuíram, nomeadamente, publicidade e patrocínios, transmissões televisivas, prémios das competições europeias, quotizações, merchandising e receitas de bilheteira, estas últimas com uma quebra de 22,3 por cento.

Apenas a diminuição dos custos operacionais e dos custos e perdas financeiras possibilitou que a SAD "encarnada" apresentasse lucro pela segunda vez desde que foi constituída, em 2000.

"Este desempenho significa que a Sociedade demonstrou capacidade para amortecer o impacto dos resultados desportivos negativos nos seus resultados económicos", observa o relatório e contas enviado à CMVM.

O relatório e contas de 2007/08 compreende apenas 11 meses, com o propósito de ajustar os exercícios económicos à época desportiva, passando o exercício a encerrar a 30 de Junho de cada ano."

1 notícia para o Fim-de-Semana

De qualquer forma, quero ser o Master Kodro deste blog. Apenas coloco aqui a notícia, porque me pareceu interessante de debate. Os negritos são meus.

(via Lusa)

"O Benfica requereu a abertura da instrução do processo contra o seu ex-presidente Vale e Azevedo e o agente FIFA Paulo Barbosa, acusados de desvio de cerca de um milhão de euros resultantes de transferências de jogadores.

Fonte ligada ao processo disse à Agência Lusa que a acção foi arquivada pela 8 secção do DIAP (Departamento de Investigação e Acção Penal) de Lisboa, mas que a SAD do Benfica entendeu pedir que o processo volte para à fase de instrução, solicitando que fossem ouvidos alguns dos jogadores envolvidos no que o clube considerou "um conluio" para desvio de verbas.

O processo contra Vale e Azevedo e Paulo Barbosa foi interposto em Abril de 2005, alegando o Benfica que o ex-presidente e o empresário se apropriaram de montantes destinadaos ao clube pelas transacções de 17 jogadores.

Ilian Iliev, Jorge Cadete, Bruno Basto, Paulo Madeira, Hélder Cristovão e Bruno Aguiar foram alguns dos jogadores em cujas transferências o Benfica acusa Vale e Azevedo e Paulo Barbosa de "maquinação" para se apropriarem de quase um milhão de euros.

Outra das transferências em causa foi a do guarda-redes russo Sergei Ovchinnikov, que transitou para o Alverca, em 1999, num negócio concluído por Vale e Azevedo e que foi conduzido por Paulo Barbosa, que estava autorizado por Luís Filipe Vieira, então presidente do clube ribatejano.

Paulo Barbosa, tido como empresário próximo de Luís Filipe Vieira na altura, tinha uma conta-corrente no Benfica por agenciamento prestado nas gestões de Manuel Damásio e Vale e Azevedo e a transferência de Ovchinnikov permitira saldar as contas entre o clube e o agente FIFA.

O empresário, representante em Portugal da Salva Financial Services, era credor do Benfica em 1,5 milhões de dólares (1.146.426 milhões de euros ao câmbio actual), pelas transferências dos 17 jogadores.

A compra dos direitos desportivos de Ovchinnikov ao Benfica, no valor de 2,5 milhões de dólares (1.909.043 euros), foi realizada por Luís Filipe Vieira, através de cheques de uma conta bancária de uma empresa "off-shore".
Um milhão de dólares (763.627 euros) foi pago através de cheque entregue a Vale e Azevedo, mas, como depois ficou provado em tribunal, o então presidente do Benfica não o despositou nas contas do clube, sendo por isso condenado a quatro anos e meio de prisão por peculato.

Os restantes 1,5 milhões de dólares foram entregues a Paulo Barbosa, comprovando-se o pagamento ao empresário com facturas de transferências, realizadas na sua maioria durante a presidência de Manuel Damásio e avalizadas pelo então responsável pelo futebol do Benfica, António Figueiredo.

Luís Filipe Vieira, agora presidente do Benfica, entende que o valor da venda devia ter entrado na SAD e imputou responsabilidades a Vale e Azevedo e a Paulo Barbosa pelo encontro de contas que considerou de lesivo para a sociedade "encarnada"."

Memória

No fim de um jogo em Coimbra para a Supertaça, contra o Porto, Petit, em plenos balneários, ofereceu, com dedicatória, a camisola utilizada durante esse jogo a Reinaldo Teles (o "chulo").
Independentemente de termos perdido esse jogo - com "aquele" disparate de Argel -, entendi, na altura, que Petit devia ter sido despedido por falta de lealdade com a entidade patronal.
Em Madrid, pelos vistos, levam estas coisas mais a sério...

Já não te posso ouvir mais!

Ronaldo: «Estou confiante para ganhar»PORTUGUÊS ESPERA TÍTULO DE MELHOR JOGADOR.

É por estares sempre a falar no mesmo que se calhar não ganhas. Porra, que já ninguém te atura!!!

Pragmatismo

O resultado de ontem foi bom. Melhor do que se projectou ao intervalo, levando em linha de conta a péssima primeira parte, pior que a extraordinária prestação dos primeiros 30 minutos da segunda parte.
Ainda assim, jogámos com 3 putos da América latina, todos com menos de 20 anos, e com Bynia - que ontem parecia ter 5 anos.
Cardozo, nestes jogos e perante o sistema Quique, está a mais e torna-se imperceptível a substituição de Katsouranis - a não ser que estivesse diminuído.

quinta-feira, 23 de outubro de 2008

Agora a sério

Se dúvidas houvesse que precisamos de mais dois centro campistas como de pão para a boca, vide a segunda parte do jogo.

Bynia é um paradoxo para qualquer treinador, não se cansa e além do mais deve fazer treinos daqueles, de antologia. Mas é tão imaturo...

Custa deixar lá dois pontos, mas tendo em conta o que se viu depois do golo, sem experiência ou maturidade, já nem abordo a qualidade, para segurar o meio campo, seria sempre uma questão de tempo.

Como diz o outro : Mais vale uma na mão, do que duas no soutien!

Ficava assim...

Chamem-me doido, mas um link destes, com uma assinatura destas, a dar isto...Não é todos os dias...Até deve ter ficado azul...
http://www.youtube.com/watch?v=_u3h-OR0PbE

O meu onze

Quim
Maxi, Sidnei, Luisão e Jorge Ribeiro;
Yebda, Carlos Martins, Katsouranis e Di Maria;
Reyes e Suazo

Onze

No estádio que viu um ATLETA humilhar um facínora, cá vai o meu palpite para o onze:

Quim; Maxi; Sidnei; Luisão; J.Ribeiro.

Yebda; Katso; C.Martins.

Reyes; Nuno; Cardozo .

FORÇA BENFICA!

Marchena

Li hoje na bola on-line uma pequena entrevista do Marchena.
És muito bom,pá! Não te esqueças do que disseste na entrevista, pois o futuro é incerto e a rota inverte-se...E, se um dia assim for, ninguém neste blog deixará as tuas palavras cairem no esquecimento, podes contar com isso! Palhaço!

quarta-feira, 22 de outubro de 2008

E agora futebol

Penso que o Benfica tem forçosamente de ir buscar um concorrente a Carlos Martins no mercado de Inverno.
No actual plantel não existe outro jogador que consiga apoiar a construção de ataque pelo meio como o homem de Oliveira do Hospital .
Ruben Amorim demonstrou no último domingo que, sendo um jogador útil para várias situações e posições, não cabe nesse papel.
Aimar é um homem mais de frente de ataque sem aquela capacidade de transposição.
Se o Rui me quiser fazer a vontade, peço-lhe Tiago em Janeiro.
E vocês o que pensam?

Aviso à navegação!

Este é um espaço de liberdade, com dois limites: os escribas postam o que quiserem e os comentadores dizem o que lhes aprouver.
Não tentem tornar isto no que não é, não tentem censurar o que se escreve, nem se envolvam em demasia... isto é um blog e o nome diz tudo: Ndrangheta!
No dia em que, ao pensar no post, me vierem à cabeça susceptibilidades alheias, posto um caralhinho, dedicado aos moralistas.
É, também, evidente que se as bebedeiras limitassem os jogadores, o Eusébio não tinha sido o que foi e o Mário Coluna nunca seria o eterno capitão do nosso clube.
Mas o que está em causa é o comportamento de um jovem que atravessa uma grave crise de confiança, que se encontrava alcoolizado na toca do inimigo e que não admitiu umas bocas.
Só isso. Se fosse pretensão do Mister D publicar, aqui, o que sabe sobre jogadores do Benfica, este blog não seria dedicado a outra coisa...

Desacordo

Quero manifestar a minha profunda repulsa pela divulgação de algo dito em privado e que nada de bom traz ao Benfica.
Não foi para este tipo de chibaria que aceitei participar neste blog.

Sorte

Depois do que vi ontem, tenho de assumir que o Sporting é um clube de sorte...
Anseio, apenas, pelo confronto entre dois grandes avançados que vieram do Brasil: Tiui e Hulk!

E o nomeado é...

Antes de referir o nome do jogador do Benfica que foi apanhado na noite num estado lastimoso, convém referir que Portugal, como bom país moralista e invejoso que é, é reflectido nos diferentes comentários que o meu post suscitou.

O Piazza Nuova percebeu-o e demonstrou-o de uma forma clara e inequívoca e só mesmo quem não viu ainda um jogador na noite o pode perceber.

Depois há outras formas de precaver as situações e há formas diferentes de as interpretar.
Se acham que numa folga, os jogadores podem fazer o que quiserem, já após uma derrota e usando a mesma folga, não o podem fazer. É uma teoria interessante que até poderia dar outro post, mas não estou para aí virado.

Obviamente que o Benfica terá tempo de actuar com o jogador em causa e acho estranho que se for tomada alguma decisão, a seja tomada tendo em conta o post deste blog. Isso é estranho e mostra que falta qualquer coisa.

O jogador em causa é David Luiz.

É dito o nome pelo que o jogador representa para o clube e para o que ele representa actualmente com a sua condição física. Não é comportamento profissional para quem esteja lesionado e muito menos o é para quem deveria ter algum sentido profissional do que é representar o Benfica.
Há quem não o entenda e há quem o entenda. O nome está aí. Podem preparar as tochas para queimar o jogador...

Normal vs Anormal

É normal ter-se o direito de fazer o que se quer quando se tem um dia livre.

É normal pegar num grupo de amigos e ir beber uns copos a um sítio qualquer.

É normal que às vezes a coisa corra mal. Quem atira aqui a primeira pedra?

É 'normal' trabalhar 3 horas e meia por dia.

É 'normal' receber por mês cerca de 5ooo contos (média).

Será normal reclamar o direito à normalidade quando dela não se faz parte?

É normal que responsabilidades sejam exigidas a quem tem o físico como ferramenta de trabalho.

É anormal que se relativizem as saídas à noite de atletas principescamente pagos, sustentando-as no facto de todos terem direito a uma vida 'normal'. Não. Não têm.

Normal sim, é que haja reciprocidade. Responsabilidade em troca de salários de, e que permitem, sonhos.
Empenho e seriedade em troca de privilégios.

Da essência do teu post, Mister D, é isto que entendo, é nisto que te apoio!

Recordista

Há muito a dizer sobre o historial europeu de um clube quando os melhores marcadores de sempre desse mesmo clube têm a astronómica marca de 18 golos!

terça-feira, 21 de outubro de 2008

Em conclusão,

o Hulk parece bom, muito bom mesmo. Percebe-se porque é que jogava nesse extraordinário campeonato japonês, depois de uma brilhante passagem pelo Vilanovense. Gosto do Hulk, ponto final.

Chegados ao Olímpico

E depois de um Domingo cheio de emoções, o Benfica prepara-se para atacar a Taça UEFA. Num grupo digno de uma Champions League, a equipa precisa de mostrar que as vitórias contra Sporting e Nápoles não foram fruto do acaso.

Na próxima quinta-feira, o onze deve ser:

Quim
Ruben Amorim, Luisão, Sidnei e Jorge Ribeiro
Carlos Martins, Yebda, Katsouranis e Reyes
Cardozo e Nuno Gomes

Numa primeira linha de substituições: Suazo, Di Maria e Maxi.

Ndrangheta pergunta

Quem era o jogador do Benfica que estava na festa de encerramento do bar / discoteca Kubo, num estado etílico nada recomendável para um atleta de alta competição?

Benção!

A exibição do Benfica contra o Penafiel foi uma benção: ao menos permitiu para a apresentação de um belo reforço, de seu nome Moreira...
Considerando, por outro lado, que só pude ver o prolongamento e as grandes penalidades em pleno aeroporto e enquanto aguardava que o jogo acabasse - meus caros, enquanto o Suazo não marcou a última, ninguém trabalhou na Portela... -, até achei que aquilo correu bem: Makukula ia falhando e, do mesmo passo, evitava que a bola chegasse a quem poderia, de facto, resolver, até que chegaria o momento de Moreira... tudo ao ponto!
Não compreendo, assim, como é que puderam ficar chateados...

segunda-feira, 20 de outubro de 2008

Road to Jamor 08/09 - Episódio I

Este primeiro episódio foi mesmo, mesmo, muito fraquinho. Esperemos pelos outros.
Não notei falta de vontade, excepção ao Balboa, em nenhum dos jogadores, mas penso que é preciso fazer muito mais para conseguirmos chegar aos nosso objectivos.

Boa 1ª Parte do Amorim. Ficou claro, pelo menos para mim, que o homem deve jogar mais no centro do terreno.

Grande Sidnei! Excelente jogador e com muita margem de progressão. Boa compra.

O Miguel Vitor teve erros que podiam ter comprometido se o Penafiel fosse outra equipa. Tem que rever processos e ter mais calma. Esperemos que não seja uma lesão complicada. Como é que o árbitro nem falta marcou?

O Balboa foi um desastre! Cheira-me que enfiámos um barrete no valor de 4 milhões.

Makukula não consegue dominar, convenientemente, uma bola e isso leva-o a perder segundos preciosos na hora do remate. É voluntarioso, mas isso só não chega.

Eu sei que o Di Maria é um grande jogador, que possui uma técnica apurada, que tem muito futuro, mas tem que largar a bola mais cedo e tem de parar com os toques de vedeta. A continuar assim vai perder o capital de confiança que os sócios e o treinador têm nele. Porque é que depois de encostado ás alas o homem simplesmente desapareceu? Faz-me lembra o Soneca que só jogava bem na frente de ataque...

Saudações Benfiquistas

domingo, 19 de outubro de 2008

Carinho

Poderia, e se calhar deveria, fazer uma análise mais cáustica àquilo que foi visto hoje no relvado da Luz. Mas não.

Temos um grupo de jogadores que pensa no sócio pagante que muito sofre com as paragens prolongadas da liga, e vai daí, decide compensar a malta com mais 40 minutos de jogo e emoção.

Temos um ponta de lança que gosta de arreliar o adversário com uma atitude do género: "Podia ter marcado 4 vezes, mas quero ver-vos sofrer..."

Temos um extremo que diz a imprensa "deter um futebol fino e elegante", ora Penafiel não é bem uma localidade que obedeça a essas características, daí nem sequer ter aparecido em jogo.

Marcámos 5 golos de belo efeito (entraram, e isso basta-me)

O plantel e a direcção foram solidários com um dos Capos, e esperaram que este chegasse a casa para lhe oferecerem a vitória!

Tudo somado até valeu a pena ver. Mas não voltem a repeti-lo. Por favor!!!

sábado, 18 de outubro de 2008

inespugnabile informa

Ausente em parte incerta, inespugnabile envia-me seguinte SMS:"David Luiz, o guerreiro, está a arriscar a carreira. É um guerreiro que esconde a dor..."

sexta-feira, 17 de outubro de 2008

Liga Intercalar

Alguém me explica porque é que se faz uma redução de equipas na Liga para logo a seguir criar uma liga intercalar?

quinta-feira, 16 de outubro de 2008

Já chega de bater no ceguinho...

Esqueçam lá isso do nosso adjunto preferido, lá para Fevereiro/Março retomamos a conversa...

Falemos do que interessa, que como é óbvio, é o Benfica vs Penafiel do próximo domingo.
Tenho para mim, que esta é uma boa oportunidade para o Quique mostrar que sabe da poda e que é um treinador completo. Eu explico... Se os jogadores menos utilizados do plantel que jogarem no domingo, correrem e tentarem mostrar serviço (ainda se devem lembrar dos jogos da Carlsberg na época passada), é sinal que todos sabem que o treinador não é para brincadeiras e que não desiste de ninguém. Fica claro que todos os jogadores sabem que o espanhol promove a disciplina, o empenho, a não desistência e o bom ambiente no balneário. Que não existem vacas sagradas e que vale a pena lutar por um lugar. E isso meus caros, é muito positivo para o nosso Glorioso.

O meu 11: Moreira, Maxi, Vitor, Sidnei, Leo, Balboa, Martins, Basto, Urreta, Di e Gomes.

Saudações Benfiquistas

Os números valem o que valem... mas valem qualquer coisinha!

Bom, parta-se de um princípio mais ou menos evidente: trocar Scolari por Queirós é o mesmo que trocar umas gajas do Elefante por umas do Intendente; podem manter o vício, podem dar os pratos todos, mas a diferença de qualidade vê-se logo à distância.
Bem sei que isto irrita muita gente. Mas não me irrita a mim. Quero, é certo, que a selecção vá ao Mundial e que, preferencialmente, o ganhe.
Só que o Professor que outrora se dedicou a anúncios de donuts, alfa romeos e cavacos com maioria, tem unhas para guitarras, mas para guitarras secundárias.
Ou seja, caso o papel a desempenhar fosse o de Flávio Murtosa, tudo bem, Queirós, como provou em Manchester, serve. Mas o de treinador principal?
Foda-se, se tiverem dúvidas, vão a Madrid, aos EUA e a África do Sul e perguntem!
Há entendidos que insistem, insistem e voltam a insistir. Entre outros, o meliante dedica-se, até, a estatística. Mas, meus caros, os números dizem as verdades todas: Scolari entrou em Portugal como campeão do mundo e saiu para o Chelsea; Queirós entrou, duas vezes, no Manchester como um derrotado e chegou a Portugal como última esperança...
Porque é que não veio o Zico...

Bom, bom era o Scolari...

Esse sim é que era bom, com ou sem a ajuda da santa...

Confesso que não vi o jogo. Apenas o resumo. Acompanhei os últimos 20 minutos via rádio e o que ouvia apenas servia para reforçar as minhas ideias.
Não simpatizo nem nunca simpatizei com Scolari. Apesar de ter colocado Portugal nas bocas do mundo e de apelar ao sentido nacional, o brasileiro (para mim) nunca foi capaz de disfarçar as enormes incapacidades que detinha e detém e que mais à frente veremos na Premier League.
Não simpatizo com Carlos Queiróz. A única altura em que simpatizei com Carlos Queiroz data de 1994, quando se lembrou de retirar Paulo Torres ao intervalo do jogo com o Benfica para colocar lá Paulo Sousa e aí, Toni (esse mesmo que é velho e caduco) aproveitou para canalizar o jogo através de Paneira e chegar aos 6-3 que nos deu o título.
No entanto, vejo capacidades no professor para revitalizar uma área onde Scolari falhou redondamente: a formação.

Porque o que se vê agora é o resultado de uma transição mal feita em 6 anos. Não fomos capazes de criar bases como a Espanha (por exemplo) para que o fim de figuras como Rui Costa, Figo ou João Pinto fossem substituídos com rigor e com a mesma qualidade. Esse sim, é um dos maiores problemas.

Empatar com a Albânia em casa é o mesmo ou pior do que empatar com o Liechtenstein fora (tal como Scolari fez). Esta crítica que agora começa a cair em cima da Selecção só porque o treinador não diz piadas na conferência de imprensa ou não exulta as pessoas a colocarem a bandeirinha não é significado para que se peça o retorno do gaúcho.

Esse é um dos nossos maiores males. Não ganhámos nada, mas pensamos que podemos sempre ganhar tudo, quando as condições não existem. Deixem a qualificação acabar e depois podem-se fazer as comparações que quiserem...

P.S. A capa d'A Bola de hoje em nada priveligia o jornalismo. Digamos até que para quem dizia que Scolari não era protegido pela imprensa, tem aí a sua resposta. O jornalismo desportivo português bateu no fundo há muito, mas hoje passa os limites da racionalidade...

quarta-feira, 15 de outubro de 2008

E o burro era o Scolari? Parte II

Eu sei que não escrevo como o piazzanuova. Sei que não sou, nem ambiciono a ser, tão eloquente como o inespugnabile, mas acredito que Portugal tem uma boa selecção e como tal tenho pena em escrever uma sequela deste filme.

Já escrevi e volto a escrever, que não acho que o Scolari teve uma "anti-imprensa". Bem pelo contrário. O homem deparou-se com uns problemas iniciais por ter deixado o frangueiro do freixo de fora, mas depois estenderam-lhe a passadeira e não era a vermelha! Claro que sempre ficaram alguns ressabiados, uns por convicção outros por beija-mão...
Do ponto de vista do público, esquecendo os tripeiros que nunca lhe perdoaram a "heresia", a maioria dos "adeptos" sempre adorou o brasileiro. Sempre adorou as bandeirinhas e as procissões. A prova disto tudo é que o homem fartou-se de mamar guita à conta dos anúncios que fez.

Portugal tem uma boa equipa. Um bom conjunto de jogadores. Mas falta-lhe algo mais, e de certeza que não é apoio, como alguns jornalistas e directores de jornais nos seus editoriais, quiseram fazer ver nos últimos dias.

Não aceito ver burrices! E as decisões do Queiroz hoje, não podem ter outro nome. Não aceito ver a imprensa em conjunto, exaltar um treinador de futebol que nunca passou de um bom adjunto! Não aceito não chegar ao Mundial.... O problema, é que a continuar assim, não vamos mesmo lá.

Ar de pânico - ou como um caguinchas mete medo!

Saio da piscina e antes de me dirigir ao banho turco olho, de soslaio, para o telemóvel. SMS do piazzanuova: este Portugal queirosiano é igual ao do escritor: acanhado e miserável!
Percebi. Melhor, nem precisava de ter visto o jogo todo (vi apenas os 5 minutos finais): o ar de pãnico do dito professor deve ter assustado os próprios jogadores!
Piazzanuova, não tens só piada: tens muito jeitinho. Que tal o cargo do Prof?

Anti Scolarismo

Pois é, de facto os detractores de Scolari devem andar maravilhados com o resultado de tantas crónicas televisivas, radiofónicas e impressas. O Portugal de Queiroz é muito melhor!
Estou completamente à vontade para falar da selecção porque sempre estive nas tintas para ela. Para mim o mundo começa e acaba com o Sport Lisboa e Benfica.
Daí que tenha adquirido desde cedo uma objectividade que não se turva com bandeirinhas ou cabelos impecavelmente penteados.
A campanha de animosidade contra Scolari tem uma raiz bem mais profunda que o mero plano desportivo, é sim uma extensão de uma mentalidade colonialista bafienta. Scolari se fosse italiano não tinha tido sequer metade da má imprensa que lhe foi dedicada. Esta mentalidade está infelizmente muito inculcada nos portugueses. Esta Nação de empregados de café em França, Estados Unidos, Inglaterra e Alemanha não conseguiu digerir o facto de ter como seleccionador um indivíduo oriundo do maior exportador de empregados de café em Portugal.
Só que este pedantismo generalista e racista esgota-se na sua própria ignorância, pois nem o Brasil é só composto por gente que trabalha para ter uma vida melhor, nem que para isso seja preciso vir aturar um povo que não sabe respeitar quem tenta atingir o que este já atingiu, nem Portugal obedece à auto imagem de país colonizador, culturalmente preponderante e economicamente melhor colocado, mais a mais, acontecerá precisamente o contrário.
Para aqueles que pensam que Portugal é só Saramago, Pessoa, Marisa e Madredeus...Desiludam-se! É também o país do "pimba", da TVI, da ASAE, do FALIDO ENSINO SUPERIOR, etc.
Para aqueles que pensam que o Brasil é apenas o país do Forró, do Paulo Coelho, das putas, das novelas da Globo, etc....Leiam! É o país do Jorge Amado, do Vinícius de Morais, do Machado de Assis, do Sérgio da Holanda, do Niemeyer, da bossa nova, etc...
Portanto para todos aqueles que em silêncio e encapotados na cobardia própria do racismo colonialista de anteontem se maravilham agora com o regresso do filho pródigo que, ao tempo em que escrevo estas linhas empata a zero com a Albânia. A ALBÂNIA!!!! Vão-se cultivar, vão aprender, a talhe de foice fiquem com esta: Todos os resultados dignos de registo que Portugal atingiu internacionalmente foi com brasileiros ao leme...
Realmente é do Caravaggio!

Dever de Reserva

Por dever de reserva, tenho-me mantido calado quanto aos processos crime que ainda não foram julgados, no denominado Apito Dourado.
Por dever de reserva e nada mais.
Não posso, no entanto, deixar de chamar a atenção para algo que referi em 2005, noutra sede: o processo de manipulação da classificação dos árbitros é o mais importante de todos os processos do Apito Dourado.
Ontem, no TICão, foi proferido despacho de pronúncia, que, in totem, mantém a acusação.
Sem querer entrar no manto sagrado, só gostava de salientar uma coisa: aqui não se trata de um ou outro favor; trata-se, isso sim, de manipulação de relatórios e viciação das classificações finais dos árbitros. A prevalecer a tese da acusação, só subiam de categoria árbitros feitos com o sistema...
Por exemplo, Duarte Gomes e Pedro Proença, à saída da Polícia Judiciária, no dia em que foram ouvidos como testemunhas, manifestaram-se enojados e assumiram que se constituiriam assistentes. O que fizeram até agora?

Albânia

Hoje Portugal vai defrontar a terrível e perigosa Albânia. Terrível e perigosa, repito, terrível e perigosa.
Para mais, o nosso seleccionador lembrou-se de uma boa: Portugal nunca ganhou nada! É verdade, limitou-se a um terceiro lugar e quarto lugar em campeonatos do mundo e um segundo lugar em campeonatos da europa. Todos eles com um denominador comum: Queirós estava a léguas.
E, como é bom salientar em futebol, estamos a falar de seniores...

terça-feira, 14 de outubro de 2008

Simpatizantes

Aquando de um comentário, um dos nossos estimados leitores (van basten) alertou-me para o nível salarial daqueles que eu considero os melhores reforços do Benfica: Reyes e Suazo.
Será de facto uma folha de salários alta se os quisermos manter entre nós, totalmente de acordo, pensando nisto reflecti sobre a condição do Sport Lisboa e Benfica e do seu nível de representatividade. Neste momento podemos afirmar que o nº de sócios é perfeitamente desajustado da realidade do universo benfiquista.

Sempre tive aversão ao termo 'simpatizante'. O momento é propício a uma análise de consciência daqueles que se proclamam benfiquistas mas pouco ou nada fazem. Permitem-se criticar as decisões da Direcção, as decisões de constituição de plantéis, permitem-se até escrever sobre o GLORIOSO, no entanto não contribuem com um cêntimo para o Clube. O Clube que se orgulha em ter mais sócios no Mundo pode e deve ter muitos sócios mais! Basta que deixem apenas de simpatizar e passem "a chegar a barriga ao balcão", como bem dizem os ingleses: "Talk is cheap", portanto se gostam de ver o Reyes marcar golos ao zborden(mais uma preciosa colaboração de um leitor), se gostam de ver o Suazo marcar logo na estreia, se gostam de ter um bom treinador, em última análise, se têm esperança de um dia ver o Benfica ganhar a Champions, simpatizem um pouco menos e contribuam um pouco mais. São cerca de doze euros por mês...n.b- 6 imperiais num sábado à noite, parece barato para tão caras aspirações, não é verdade?

Saudações benfiquistas!

Quique

Não me canso de elogiar Quique. Sei que até parece demais, mas a curta entrevista ao jornal "A Bola" é um monumento.
NB - A selecção voltou a ser o que nunca deixou de ser...

segunda-feira, 13 de outubro de 2008

O Armando

A entrevista do Armando, publicada este sábado no Jornal "A Bola", vem demonstrar a razão da alcunha que ostenta. Como homem é mesmo muito pequenino.
Durante anos ídolo do terceiro anel, esta fraude do futebol português, prejudicou o Benfica em vários aspectos. Foi sempre uma lança de José Veiga (muito elogiado pelo Armando na referida entrevista) no balneário e graças ao seu amigo atingiu uma importância no grupo que o seu rendimento nunca justificou e a sua personalidade muito menos.
Ainda hoje me enojo ao pensar que este bronco foi capitão do meu clube com o Rui Costa a seu lado.
Queimou vários concorrentes de posição com o medo próprio dos medíocres através de todo o tipo de estratagemas.
As reticências que este sujeito deixa para o Rui na referida de entrevista são para mim motivo de enorme alegria.
O Rui afinal viu o que se passava e como benfiquista que é - e que essa besta nunca na vida será- expulsou a maçã podre (como diria o grande Toni).

Desde há largos anos que penso isto do Armando. Nunca o tinha escrito desta forma nem nunca o faria por respeito a um ex-jogador do Benfica mas a besta não me deixa alternativas.

A ti, Armando, desejo que nunca mais voltes. A mim não me deixas saudades nenhumas e ouvir-te falar ( ou essa coisa parecida que tu fazes com as cordas vocais) de mística do Benfica faz-me rir. Tem um pouco de pudor.
O dia em que anunciaram a tua saída foi dos mais felizes para mim nos últimos anos.

Felizmente, no dia seguinte, o mesmo jornal publicou uma entrevista com, esse sim, um grande senhor do Benfica. Mário Coluna.
A diferença de discurso de um para o outro é abismal.
Coluna nunca foi diplomático. Mas tem o nível dos grandes homens. Desses homens se fez o grande Benfica. Nunca de Armandos.

Camacho

Finalmente Camacho encontra um clube à sua medida.

Contratações

"A Bola" de hoje avança com os resultados de uma sondagem sobre os reforços do Glorioso. É normal, aliás, "A Bola", quando não tem mais nada para escrever, escrever sobre o Benfica...
Voltemos, no entanto, às contratações. Se eu tivesse votado, nem hesitava: Sidnei.
E os nossos caros leitores?

domingo, 12 de outubro de 2008

E o burro era o Scolari?

Eu nunca reconheci grandes méritos ao antigo selecionador português, mas ao actual, não lhe reconheço qualquer tipo de mérito!
O Homem não percebe nada de futebol!
Falava-se ( o Mister D bateu tantas vezes nesta tecla...)da imprensa "amiga" que rodeava o antigo selecionador, mas a que rodeia o actual, é simplesmente subserviente e bajuladora. Ao ler o jornal de hoje (A'Bola), dei comigo a perguntar se realmente tinha visto o jogo de Portugal. Para eles, Portugal fez uma boa exibição, um bom resultado e só não foi melhor, porque o ábitro não marcou uma grande penalidade evidente, a favor de Portugal. Pois sim....
A exibição do Nani? Mas como é que ele esteve tanto tempo em campo?
Tirar o Hugo para colocar um ala.....mas desde quando é que o CR7 é um ponta de lança?
Meio campo titular com Meira, Meireles e Moutinho(melhor em campo)?
Se formos ao Mundial, o nosso trio de ataque será Hugo, Nuno e Postiga? Que figurão vamos fazer...
Não acredito na não qualificação para o Mundial, mas olhem que a bestialidade do Profº, ainda nos poderá trazer muitos dissabores.

P.S.1. A nossa Vanessa e o Bruno, deram-nos mais dois Campeonatos Nacionais! Parabéns aos dois!

P.S.2. Ao ler a entrevista do Petit, percebi que o ambiente no balneário do Benfica, o ano passado, não era muito bom. Sempre disse, que o anúncio prematuro da ida do Rui para Director Desportivo, não tinha sido uma decisão muito inteligente....

sexta-feira, 10 de outubro de 2008

quinta-feira, 9 de outubro de 2008

quarta-feira, 8 de outubro de 2008

Período de pausa

Se querem a minha opinião, o Benfica é o clube nacional mais beneficiado por esta paragem no campeonato.
Vejamos,
a) podemos, com tranquilidade, recuperar Aimar, Reyes, Suazo e David Luiz para a fase diabólica que aí vem (nos próximos dois meses vamos a Berlim, Guimarães, Coimbra, Olympiakos e Funchal, recebendo o Penafiel, a Naval, o Galatasaray, o Estrela da Amadora e o Vitória Futebol Clube, sendo certo que, se passarmos o Penafiel - outra coisa não se espera! -, temos, pelo meio, uma eliminatória da Taça de Portugal);
b) permite aos jogadores que estão a atravessar uma fase negativa, como Léo e Balboa, pensarem no que andam a fazer... o caso do brasileiro, então, é escandaloso: a ser verdade o que me contaram (e tenho pudor de aqui escrever uma linha), o mais provável é o pequeno lateral já passar o ano novo em Copacabana!
c) com cerca de 15 dias de preparação, o jogo em Berlim (que meu ver é decisivo) pode ser preparado com rigor, disciplina e metodologia. Em suma, tudo aquilo que não houve em Matosinhos.

terça-feira, 7 de outubro de 2008

50 000 visitas

É um número bonito e que nos deixa orgulhosos. Que me desculpem os outros escribas, mas o início deste projecto pensado num célebre casamento entre mim e o inespugnabile, estava longe de chegar onde chegou.

Ao longo deste tempo, com a inclusão de outros autores (que a nós nos enche muito de orgulho), com as notícias que também colocamos, conseguimos chegar já a uma franja bem interessante da blogosfera benfiquista, mas também de outros clubes.

Os 50 000 visitantes, somados à conta perdida na última mudança de template, enchem-nos de orgulho.

Desde 13 de Abril de 2005 que o Ndrangheta está activo. Obrigado por nos visitarem e contestarem!

Assim continuaremos...

Sofreguidão

Raramente critiquei uma opção táctica de Quique. Não só por aquilo que já sabia quando foi contratado, mas, sobretudo, por aquilo que mostrou nos três meses que leva de Benfica.
Nem sei bem, na verdade, se o que a seguir vou escrever é uma crítica a uma opção táctica...
Mas, meus caros, ver uma equipa a defender um resultado e, a 3 minutos do fim do jogo, ter um livre frontal, a 35 metros da baliza, e não o aproveitar para queimar tempo com posse de bola, parece-me que é uma perfeita estupidez!
Bem sei que a sofreguidão costuma mandar mais alto. Sei, também, que aquela oprtunidade parecia ideal para o pé esquerdo de Cardozo. Contudo, a prudência costuma prevalecer nas opções de Quique...

O que aí vem

- Belushi, Kovacevic, Djordjevic e Raúl Bravo no Olympiakos
- Harry Kewell, Milan Baros e Fernando Meira no Galatasaray
- Pantelic, Voronin e Simunic no Hertha
- Obradovic e Hadj Aissa no Metalist

Sorteio

Se o sorteio foi mau, a distribuição de jogos foi pior. Salvam-se dois grandes jogos na Catedral e a exigência de, pelo menos, um empate fora!

De José Mota a Quique (com adenda)

1- Gosto de José Mota. Sempre gostei e não é por ter a tendência por roubar pontos ao Glorioso que vou deixar de gostar. Tanto mais que o homem é adepto do nosso clube ...


Por outro lado e apesar da pressão ser legítima, José Mota, ao contrário de outros que por aí andam, rouba pontos indiscriminadamente a qualquer um dos grandes.

Ao serviço do Paços, como bem se devem lembrar, foi a todos os campos buscar pontos e presenteou-os em casa com grandes vitórias... José Mota é dos bons!

2 - Gosto cada vez mais de Quique. Na vitória e no empate... Ontem a equipa estava de rastos, sem Aimar, Suazo e Reyes e, ainda assim, conseguiu sair de Matosinhos sem se vergar. Deve-se, é certo, a um extraordinário trabalho de Yebda, Luisão e Sidnei, que não conseguiram o milagre por pouco - 3 minutos!

Mas este trabalho, meus caros, tem mão do treinador, que tornou a equipa mais solidária. Tivesse Di Maria trabalhado defensivamente, quer nas compensações a Jorge Ribeiro, quer na ajuda a Yebda, e o resultado poderia ter sido outro...

NB - Eis o meu grupo: Ajax, Slavia Praga, Nancy e Metallist. Por razões misteriosas, prefiro jogar com o Ajax em Amsterdam... (como não podia deixar de ser, o sorteio foi o pior possível... o pior...)

Foi mau

Mais uma vez José Mota ganhou a época. Roubou pontos ao Benfica.
Atenção. Não me interpretem mal. Reconheço no homem um belíssimo treinador. Apenas me enoja a forma como as suas equipas jogam contra Benfica e até Sporting e relaxam por completo contra o o clube das Antas.
Nada disto desculpa no entanto o facto de o Benfica ter jogado mal.

O Leixões entrou no jogo como se esperava. Muita pressão em todo o terreno, sendo violento quanto chegue, revelando conhecimento do árbitro da partida.
Entradas por trás na primeira parte conto de memória quatro. Amarelos: zero.
O Benfica demorou muito tempo a entrar no jogo. A equipa acusou o desgaste provocado pelos dois últimos jogos. O meio-campo nunca conseguiu subir e a transição para o ataque teimava em não sair.
Ainda assim o Benfica marcou. Na sequência de um canto, depois de Olarápio ter feito vista grossa a um penalty gritante, a bola acabou por chegar ao pé direito de Cardozo e dali só parou nas redes do Leixões.
Uma vez que a bola tocou nas redes o rapaz de amarelo lá teve de o validar e o Benfica chegava ao primeiro lugar.
Yebda ainda chegou a dar ao Benfica um segundo golo mas aí Olarápio conseguiu vislumbrar uma falta do nosso capitão sobre o guarda-redes. Se fosse na nossa área...

Na segunda parte, perante um Benfica cada vez mais desgastado, o domínio dos visitados foi-se acentuando e adivinhava-se o empate pela quantidade de lances de bola parada que se iam somando junto à entrada da nossa área.
Chegou já próximo do fim e até acabou por colocar alguma justiça no marcador.

Espero que o problema do Reyes não seja grave e que no regresso do campeonato todo o plantel esteja à disposição de Quique.
Espero também que o Leixões jogue da mesma forma, com o mesmo ritmo e a mesma "agressividade" na próxima jornada.

segunda-feira, 6 de outubro de 2008

O sorteio possível

Enquanto me faltam as palavras para comentar o que se passou em Matosinhos, uma vez que todos estávamos a ver o que se estava a passar, o sorteio possível para amanhã seria:

- Club Brugge (Estugarda, Ajax, Olympiakos, Corunha, Spartak, PSG e Heerenveen)
- Feyenoord (Rosenborg, Udinese, Sp. Braga, Slavia Praga, Manchester City, Galatasaray, Sampdória)
- Nancy (Hertha Berlim, Partizan, Portsmouth, Aston Villa, Santander, FC Copenhaga, Dinamo Zagreb)
- NEC Nijmegen (Saint-Etienne, Wolfsburgo, Standard, Twente, Metallist, Lech Poznan, Zilina)

A negro, os meus preferidos. Entre parêntesis, os que compõem cada pote.

Não gostei!

Este empate talvez seja bom para acalmar os ânimos, mas não gostei nada da exibição do Benfica.
Aliás, o empate foi o menos mau disto tudo!
Atenção! Como disse o Jesualdo, é neste tipo de jogos que se ganham ou perdem campeonatos (e o Trap bem sabia disso).
Merda! Não podemos continuar a sofrer golos a dois minutos do final da partida!

Notei, que o Benfica, ficou sem pernas na parte final do encontro. O Katso, desapareceu nos últimos quinze minutos.
A nossa fase de construção de jogo, hoje, falhou redondamente. Voltámos ao pontapé para a frente.
Di Maria, não existiu e isso explica um pouco a falta de soluções na fase de construção.

Jogámos mal. Acabou! É passado. Temos que seguir em frente. Esperemos que seja um jogo menos bom, numa época recheada de bons momentos.

Saudações Benfiquistas

P.S. Quero ver como estes filhos de puta, jogam contra os tripeiros.....

Normalidade

Cantos transformados em pontapés de baliza, faltinhas a meio campo invariavelmente para o Leixões, um luxo! Enquanto não houver um derramamentozinho de sangue, estes gajos far-nos- ão a vida negra, ou amarela, não sei. Já andavam preocupaditos, não era?

Ó Soares Franco, aparece mais vezes abraçado à Medusa, sorrindo, vão-te ao rabo, mas nada importa, desde que o Benfica esteja em baixo, o resto é mato, não é? VERGONHOSO!!!

Incrível!

De frente para a jogada, a um metro, Olegário conseguiu não ver aquele penalti do tamanho do mundo!

O meu onze

Quim, Miguel Vitor, Luisão, Sindei e Jorge Ribeiro; Yebda, Katsouranis, Amorim, Urreta, Reyes e Cardozo.

domingo, 5 de outubro de 2008

Já estão assim tão borrados?

Ainda é cedo para celebrarmos alguma coisa, mas posso dizer-vos uma coisa. Com apenas dois bons jogos, eles já estão cheios de medo! Já estão em angústia!
Aqui vão dois exemplos que demonstram isso mesmo.

Este fim de semana, na companhia de uns bons copos de tinto e de bons amigos, ouvi um lagarto (atenção que o homem é um lagarto à séria, daqueles com lugar cativo e tudo) dizer, para uma tripeira, que preferia perder o jogo de hoje. Porquê? Apenas porque acha que só o clube do freixo, eventualmente, consegue fazer frente ao Benfica ao longo do campeonato. Eles não conseguem suportar a ideia de o Benfica ganhar e ainda estamos na quinta jornada...

Pela primeira vez, desde há muitos anos, um treinador de uma equipa "pequena" da ILiga, diz isto nas vésperas de receber o Benfica em casa.

Se continuarmos assim, o mercado de fraldas vai aumentar exponencialmente.

Saudações Benfiquistas
Amanhã não podemos deixar passar a oportunidade...

sexta-feira, 3 de outubro de 2008

Uefa...

Há demasiado tempo que não conseguia me deslocar a Luz para assistir a um jogo europeu, mas ontem fui e gostei muito do que vi.

Foi um jogo sem espinhas, mas discordo que encostamos o Nápoles, antes pelo contrário, pois eles vieram fazer o tipo jogo italiano de uma equipa que está a ganhar.

Para o Nápoles bastava o empate e jogaram para não perder, mas nunca esperariam que o seu contra-ataque fosse tão ineficiente e chegando 0-0 ao intervalo (algo que penso que Quique também procurou para poder desiquilibrar na segunda parte) foram tentando tornar o jogo lento de forma a o poder controlar e julgo que embora não dominando o controlaram durante quase toda a 1ª Parte.

Mas percebeu-se isso sim que quando ficaram a perder tentaram reagir e ai sim não permitimos e julgo que o Benfica a ganhar se torna grande e confiante e muito mais controlador do próprio jogo.

Considero que tal como contra o Sporting foi um jogo sábio com os pés bem assentes na terra, calmo e sereno sabendo que, o que pudesse acontecer só seria decidido na segunda parte, isso tornou os jogadores menos ansiosos e muito mais concentrados.

Agora que venha o Olegário e o Lucilio Batista para tocarmos no topo...

P.S.- Para quando a criação de um ambiente mais sonoro com cantigos de forma a não se ouvir a claque adversária???...sincera-me irritou-me em dadas alturas conseguir ouvir mais os cantigos italianos que os assobios de 50 mil portugueses...
Ontem fizeste (ainda) mais falta.

Grande jogatana!

O Benfica ontem, conseguiu mostrar que talvez se prepare para nos dar uma época de eleição.
Jogámos em toda a largura do campo. Primeiro encostámos os italianos às cordas e depois finalizámos com inteligência. Só tive receio nos ultimos 10 minutos da 1ªparte, quando me pareçeu que íamos entrar naquele jogo de picardias, que eles tanto gostam, e deitar tudo a perder. O intervalo e provávelmente umas palavras de Quique, vieram no momento certo!

Se lerem isto, percebem que os italianos têm uma forma curiosa de entender o futebol. Dizem eles que o Nápoles, fez uma boa primeira parte.....deve ter sido só porque não levaram um golo.

Alguém tem dúvidas que o Quique é bom treinador?
Alguém tem dúvidas que o meio campo do Benfica deve ter como titulares o Katso e o Yebda?
Alguém não gosta do Sidnei?

Se o Reyes continua assim, temos um caso muito sério. O homem, joga e faz jogar. Passa, cruza, dribla, remata, acelera...tudo.

Temos um grande plantel. Lembrem-se que ontem ainda faltava o Cardozo, o Aimar e o Suazo.
Tudo isto foi conseguido bem mais depressa do que eu pensava e tenho que dar mérito ao nosso Director Desportivo e à aposta da Direcção. Ainda não ganhámos nada, mas se continuarmos assim, vamos ganhar várias coisas.

Saudações Benfiquistas

Notas

Pelos vistos era mesmo de tempo que esta equipa precisava.
Dois meses depois de começar o trabalho o Benfica começa a dar uma ideia do que aí vem. Sim, porque creio que isto é só o começo de algo grande.

Quique demonstra a cada frase a classe dos eleitos.
Fala simples, como o futebol exige, sem fugir a nenhum assunto e ensinando o jogo a quem quiser aprender.

O Benfica joga hoje de forma competente. Sabe o que faz , o que quer e como o alcançar.
Que diferença em relação a um passado ainda tão próximo.
Ainda procuro explicações racionais para um defesa com o Maxi e o Jorge Ribeiro não sofrer golos.
O espanhol é um génio.

Rui Costa escolheu o homem ideal para comandar a nau. Hoje poucos duvidarão.
Os dois juntos não erraram uma contratação. A competência é isso mesmo.

A Benfica TV é uma realidade. É um marco histórico na vida do clube e obra de Luís Filipe Vieira.
Eu que tenho sido crítico de vários pontos da gestão de Vieira não posso deixar de agradecer ao presidente a concretização de tão fundamental peça no futuro do clube.

Não respondo para já à "provocação" do piazza. O momento é de união total mas o presidente ajudou a essa tal "crise conjuntural" em diversas situações. Mas adiante...

Segunda-feira ao final da noite estaremos em 1º lugar.

P.S: Ando há meses a chorar por causa do Cebola. Que grande perda. Eh pá!!! Não me conformo.

Vida malvada

Pois é. A vida tem destas coisas, às vezes os melhores prazeres são os ocultos. Não pude ver nem um único minuto de jogo, nem preciso foi, a nossa rapaziada aguentou-se ali, rija, asas que não podiam nem iriam ficar em terra. Venham os grupos e venha o dinheirinho que o Bava vai ter de pôr na mesa se quer vender mais boxes... Os três Gatos são bons...MAS O GLORIOSO É MELHOR!!!

BENFICA!BENFICA!BENFICA!

P.S- Há muito que não ouço falar mal do Presidente do Clube...Se calhar eu e o inespugnabile tínhamos razão quando dizíamos que a "crise" era conjuntural e não absolutamente estrutural como em tanto sítio (até aqui) se fez crer! Se houver um pingo de humildade e vergonha, Vieira tem de ser reconhecido pelo mérito de ter apostado nesta estrutura técnica que vai dos jogadores ao director desportivo, passando pelo treinador do momento!

Parabéns a TODOS! Força BENFICA!!!

quinta-feira, 2 de outubro de 2008

Já está!

Para quem não foi ao estádio, mas viu o possível, esta vitória é de todos! Os que estiveram no campo, os que estiveram no banco e os que estiveram nas bancadas!

Grande estreia da Benfica TV!

Italianos

O nosso historial (Benfica), no que toca a confrontos contra equipas italianas, não tem sido famoso.
O nosso futebol (nacional), nunca se encaixou correctamente, no futebol italiano. Somos um povo que não percebe aquela maneira tão peculiar de entender e jogar uma partida de futebol...
Jogar contra italianos é sinónimo de ser necessário jogar com muita cabeça. E isso, falta-nos muitas vezes... Entramos em correrias, jogadas vistosas e picardias, e eles, normalmente, não perdoam.

Hoje, a nossa equipa e o nosso treinador, tem de perceber isso! Hoje, não podemos jogar como jogámos contra o Espanhol (só não marcámos por manifesto azar e se o tivessemos feito de certeza que passávamos à eliminatória seguinte). Se o fizermos, quase de certeza que entregamos a eliminatória de mão beijada.

Temos que dominar o jogo, mas com cabeça. Temos que ter sempre um olho na velocidade do meio campo do Nápoles e tentar evitar as saídas em contra-ataque. Temos que ser seguros na defesa. Temos que saber quando devemos acelerar e quando devemos ter alguma contenção. Temos (público) que ter paciência e não começar a assobiar aos 20 minutos, só porque alguém atrasou a bola ao guarda-redes. Temos que ganhar!

A minha equipa: Quim, Maxi, Sidnei, Miguel, Leo, Di Maria, Martins, Yebda, Katso, Reys e Nuno
Resultado: 2-1, e com sofrimento até ao fim!

Saudações Benfiquistas

P.S. - Parabéns avó! É muito bonita a marca dos 89!

quarta-feira, 1 de outubro de 2008

O meu onze para amanhã...

Como na quinta-feira defrontamos o líder do campeonato italiano e na segunda-feira o líder do campeonato português, tenho de dividir o mal pelas aldeias. Assim, alinhava amanhã com:

Quim, Miguel Vitor, Sidnei, Luisão e Léo, Katsouranis, Yedba, Amorim e Reyes, Di Maria e Nuno Gomes.

Alinhando Miguel Vitor na direita defensiva, com a protecção de Amorim, libertava Leo para a única coisa que sabe fazer: atacar.

Nápoles...

Disse em conversa com um amigo uns dias antes do jogo do Nápoles que seria uma eliminatória difícil em tudo e que iria fazer recordar uma outra muito parecida com o Leverkusen, pois seria impróprio para cardiacos.

Após o resultado fora de 1-2 voltei a pensar o mesmo, pois é sempre um resultado de merda e por momentos pensei - "que jeito dava um golo como o de vata na luz para acabar bem" - mas nem empatamos fora como com os Alemães em 93 (1-1 em casa e 4-4 fora) nem saberemos se a bola entrará sem sofremos como com o Marselha, mas que acredito que ganharemos acredito, mas e se terminar 2-1 fica tudo na mesma, e lá andará o coração aos pulos no prolongamento, portanto temos de marcar, e se sofrermos temos de voltar a marcar e por ai fora, sem tempo para contemplações, sendo seguros de nós mesmos, com calma e tranquilidade mas com concentração que foi apenas o que faltou em Nápoles para poder regressar com um resultado positivo...

Vamos sofrer tal como em 93 ... mas meus caros vamos passar para mostrar que estamos vivos...

Resistência...

Após uns tempos ausentes fora do país, estou de regresso e desta vez mais alegre...

Escrevi há uns meses após saber o calendário que apenas precisaríamos de chegar à 10ª jornada nos primeiros lugares (vulgo não menos que 3 pontos do primeiro lugar ou colados ao Sporting e Porto) para existir grandes probalidades de lutarmos pelo título e alegra-me que passado 4 jornadas (depois de Porto, Sporting, Rio Ave e Paços fora) estamos com os mesmos pontos que o Porto e menos 1 que Sporting, sendo que qualquer uma destas equipas manteve o anterior plantel sem grandes reformulações (embora o Porto tenha perdido 3 dos mais influentes jogadores - Bosingwa, Quaresma e P.Assunção) o Benfica para além de uma equipa técnica nova, novo Director tem uma equipa totalmente reformulada conseguiu resistir, e manter-se no topo algo que seria fundamental para o arranque da época.

Não podemos esquecer que para além de todas as condicionantes normais e referidas acima temos tido árbitros escolhidos a dedo que só não nos prejudicaram mais porque futebolisticamente temos sido mais fortes sem termos sido realmente bons, pois esse tempo estará apenas chegando.

O que referia há uns meses que se jogarmos bem e formos claramente superiores não será um àrbitro qualquer que nos desviará do nosso caminho, nem mesmo o Sr. Olegário, pois acredito que será mais uma vitória para permitir que à 5ª jornada estarmos isolados no primeiro lugar, algo provavelmente impensável há 2 meses com os problemas da pré-época e reformulação do plantel.

Fomos resistentes em todos os campos e estamos sem perder (tirando a Uefa) e com grandes perspectivas de futuro pois a equipa também terá de crescer.

Por isso paciência ....pois o nosso tempo está a chegar...

Se fosses Quique, quem escolhias?

Luisão, Miguel Vitor e Sidnei.

Quem de três, escolhe dois...