terça-feira, 2 de junho de 2009

Reuniões e projectos

Ponto 1, organizar uma reunião no Altis é meio caminho andado para que dela tudo se saiba.

Ponto 2, quando se fala do projecto Rui Costa, muitos esquecem quem foi a primeira opção, opção essa que se encontra no país e, infelizmente, envolvida com pessoas de índole duvidosa. E que tal dar a Rui Costa as condições EFECTIVAS de montar o seu projecto, voltando à versão inicial?


Mais que ciganos e estrelas de cinema versão Buraca, essa versão original seria sim, um regresso que mais que qualquer outro treinador do MUNDO me encheria de alegria!

E que tal Sven?

10 comentários:

Pedro disse...

Sven?
cruz credo...

piazzanuova disse...

É mau queres ver?

APLANE disse...

Sabes piazza...Já estou por tudo...

Eu quero é que a coisa se defina de uma vez por todas, agora assim, sem se saber quem vai ser o treinador é que não..

E não me digas que temos treinador, porque se assim fosse, o Rui já tinha vindo dizê-lo..

Em relação ao Sven , ficaria muito contente, resta saber se ainda tem aquela vontade de ganhar...Mas parece-me que isso , é uma coisa inata, não se perde de um dia para o outro...

Outra coisa que me faz confusão..Onde anda o Rui? O castigo já acabou, e nada...

Um balanço da epoca ? não?Qualquer coisa...
Nem que fosse mais um discuros, só para enganar a malta..

REalmente, caminhamos para o abismo...

Kaiser disse...

Ó piazza, larga lá os rolling stones...

piazzanuova disse...

A qualidade, idade não tem! A modernidade é uma coisa boa, bastante boa, mas não substitui o teste do tempo.

José Leal disse...

And now something completely different

MS disse...

Quere ver que em vez de dois treinadores para a proxima epoca, vamos ter tres!

Pedro disse...

"É mau queres ver?"

Bom já não é...Demasiados anos de boa vida... escolhe outro.

piazzanuova disse...

Nem sempre um treinador 'faminto' é sinónimo de espírito vencedor.

Eriksson será sempre um grande treinador e mais que isso, será sempre uma parte incontornável da história do Sport Lisboa e Benfica.

Ter de volta o último treinador que nos fez vencer de forma consistente e que se comporta como um cavalheiro, é promover um reencontro com a história do Clube.

Eu sei-o, Rui Costa sabe-o. Tanto é que foi nele que pensou primeiro para iniciar o processo de reconstrução. Penso que é uma ideia que não se deve deixar cair.

Por último, sou fã do homem caraças! E nunca tivémos um trinador que lhe chegasse aos calcanhares desde que partiu. A bem dizer, além de Guttman e de Otto, mais ninguém lhe fez sombra!

Pedro disse...

Concordo totalmente com a parte emotiva das tuas frases mas levanto muitas dúvidas na questão pragmática de ter o Sven como treinador principal do SLB.

Acho q lhe falta balneário nestes ultimos largos anos. E isso pesa no trabalho diário num clube.