sábado, 10 de julho de 2010

Killer instinct...

Sei que a minha memória é prodigiosa. Está, como muitos dos que aqui passam sabem, ao nível das melhores memórias da história.
Isso não me impede de me sentir pasmado com a falta de memória que por aí anda... então não há ninguém que se lembre do nome do guarda-redes brasileiro que Queiróz queria nacionalizar e trazer para a selecção, chegando mesmo a propô-lo ao nosso Glorioso?
Um dia a história virá toda à superfície. Mas a verdade é clara: em 2008 Queiróz ponderou a convocação de Bruno e alguém no nosso clube foi aconselhado pelo seleccionador a contratá-lo...

2 comentários:

JNF disse...

Há uns dias lembrei-me das duas coisas. Tinha uma avó portuguesa, não era? Salvo erro essas notícias eram ambas do CM. Mas desconhecia por completo que Queiroz o tivesse aconselhado ao SLB, pensei que não houvesse ligação entre os dois assuntos. Bem, das duas uma: ou Queiroz é mesmo pé frio ou... (a segunda é demasiado grave para ser dita).

P.S. "Killer instinct"? Muito bom.

Maurício disse...

Graças a Deus ele não veio para o SLB. Imagina se tivéssemos ele e o Roberto de guarda-redes???

Saudações Benfiquistas do Brasil.

P.S.: Andam a dizer por aqui que o Bruno acabou de assinar por 20 temporadas... com a equipa da penintenciária do Rio de Janeiro!