sábado, 31 de março de 2012

Não há volta a dar, hoje é para ganhar!!!

Stanford Bridge não pode ser um objectivo. É um bónus! Que não se repita a miséria da última sexta-feira.

Concentração total, ambição e respeito pelos Benfiquistas que querem ser Campeões! Humildade e atitude competitiva com respeito pela equipa de Leonardo Jardim (que tem feito por o merecer neste campeonato).

Hoje é o "jogo mais importante desta época"!! Se o levarmos a sério, de segunda-feira a oito teremos mais um "jogo mais importante desta época". Concentra-te nisto JJ: Londres é bónus!

terça-feira, 27 de março de 2012

Presunção e Água Benta...

Keep calm and carry on.

Prato do dia!







Hoje o prato do dia é: cabidela de galinha preta!





Se há coisa que nem eu nem a esmagadora maioria dos benfiquistas são é racistas. Basta olhar aos maiores ídolos (Eusébio, Coluna, ...) e à nossa gente de todo o lado. Sem esquecer que Cabõ Verde é o país mais benfiquista do mundo!





Isto para dizer que quando se retalia contra alguém não quer dizer necessariamente que se seja um catalogado antagonista:





- dizer mal das mulheres, não é ser machista;





- dizer mal das mulheres, não é ser gay;





- dizer mal dos gays, não é ser homofóbico;





- dizer mal dos gays e dos lagartos pode não ser pleonasmo;








Isto para salientar que reagir mal ao Drogba não será um acto racista mas pode ser lavdo como tal.




Compreendo quem, impetuosamente, quisesse atirar uns amendoins ao macaquinho que faz gracinhas para os outros rirem. Ou dar uma moeda ao elefante costa-marfinense para puxar a corda ao sino... Qualquer criança de 5 anos que vai ao zoo sabe isso.




Porém, alerta geral: A TODOS QUANTOS VÃO ESTAR NO ESTÁDIO! NÃO FAÇAM APUPOS SUSCEPTÍVEIS DE SER CONFUNDIDOS COM PROVOCAÇÕES RACISTAS!




Atenção que já quando jogámos com o Manchester United da penúltima vez, foi instaurado um processo ao Glorioso (e, creio, foi arquivado, confirmar-me-ão).




É isto que o protegidinho Varcelona (os tripeiros de Espanha e que disputam o prémio nojo com a já recuperada Juventus) está à espera. E aquela gente não se poupa a nada. Todos quantos lá foram da última vez, sabem do que falo!




Agora, Drogba: de galinha vai ficar a tua pele quando subires a um estádio mítico, enfrentares um clube do povo e dos seus sócios, a jogar perante os seus fervorosos adeptos feridos no seu orgulho e ávidos por ganhar e seres mais uma vítima do Inferno da Luz!



WELLCOME TO HELL!!!!!!!!!!!!!!




















segunda-feira, 26 de março de 2012

sexta-feira, 23 de março de 2012

Entre bloqueios...

...e gajos bloqueados, eu prefiro o Benfica.

http://www.youtube.com/watch?v=gwDYmHlC0Vs&feature=related

Gosto, particularmente, do momento em que o Nosso Goleador explica ao Bloqueado que pode bater à vontade...

Off topic

Aproveitando a boleia do Constantino, não resisto:

"Estamos a viver uma felicidade única. É inexplicável", revelou Luciana Abreu, de 26 anos, ontem, à saída do Hospital dos Lusíadas, em Lisboa, onde deu à luz a segunda filha, Lyannii Viiktórya, na terça-feira.
O jogador do Benfica, de 25 anos, mostrou-se radiante ao lado da mulher, apesar de ter recusado fazer qualquer comentário, por ordens do clube. Já Lucy, prontificou-se a elogiar a coragem do marido, que assistiu ao parto. "Portou-se mesmo muito bem. O Yannick diz que eu nasci para ser mãe, mas ele nasceu para fazer partos", disse, entre risos.
"A doutora tirou a cabecinha da menina e ele tirou o resto do corpinho e colocou em cima de mim. Depois cortei o cordão umbilical", acrescentou, embevecida. A irmã da actriz, Ana Luísa, também assistiu. "Da outra vez tinha sido a minha mãe, mas desta vez ficou com a Lyonce em casa."
Quanto às parecenças da bebé, Lucy revela que Lyannii "é igual ao pai e à irmã" de 14 meses. "Vesti-lhe a mesma roupa que a Lyonce usou no primeiro dia, e elas são muito parecidas. A diferença está no cabelo: a Lyannii é muito cabeluda e o cabelo é preto."
A actriz está a amamentar e está radiante: "Ela apanha o biquinho e fica mais de uma hora a mamar."
"É UM NOME SIMPLES"
Luciana Abreu afirmou que não percebe a polémica que se criou em volta do nome que escolheu para as suas filhas: "Lyonce é um nome super simples e a minha filha passou a ser um fenómeno; a Lyannii vai pelo mesmo caminho. Optámos por algo diferente."

quinta-feira, 22 de março de 2012

quarta-feira, 21 de março de 2012

As obrigações profissionais vão sendo a causa do meu afastamento desta Casa.
As obrigações profissionais foram a causa da minha falta de comparência na nossa Casa.
Mas, e há sempre um mas, as obrigações profissionais não me vão impedir de mandar (a partir dos 2:30) uns quantos filhos da puta para o caralho!

Aqui vai:



CARREGA BENFICA!

18 dias

Há 18 dias, o FC Porto veio vencer à Luz, para o campeonato, com um golo em fora-de-jogo. No final do jogo, Vitor Pereira e Pinto da Costa congratularam-se pelo espectáculo, pelo jogo, pelas duas grandes equipas e que a questão do golo era de somenos, um porque não tinha visto e o outro porque não lhe perguntaram.

Há 18 dias, quer na Conferência de Imprensa, quer na Zona Mista do Estádio da Luz, não houve conversa de bloqueios (situação que o Benfica e outras equipas fazem na marcação de cantos e livres), nem conversa de fora-de-jogo a 2 minutos do fim do jogo.

Há 18 dias, o balão de oxigénio que o Benfica tinha adquirido durante um determinado tempo estava a esvaziar-se. Ontem, voltou a encher-se. Está de volta a euforia e a certeza de que será campeão. 

Há 18 dias, já havia a probabilidade do êxito. Jesus referiu ontem que o Benfica estar em três competições ao mesmo tempo é o "preço do êxito". Meu caro, o êxito só é pleno quando se atinge o mesmo, não quando há probabilidade de tal. Além disso, quando falamos em probabilidades, existe sempre a probabilidade do acontecimento contrário.

Há 18 dias, Luis Filipe Vieira pedia ao Conselho de Arbitragem da Federação, a mesma à qual deu o apoio inequívoco, que tivesse visto a arbitragem do senhor Pedro Proença. Viu de tal forma, que o rapaz se anda a sentir mal disposto, de jogo para jogo.

Há 18 dias,  Cardozo continuava a ser assobiado. Ainda hoje continua a ser. Não sei quantos golos é que ele precisa de marcar mais para ser sempre aplaudido. É que falhar golos, todos os avançados falham. Serem de uma preciosidade técnica, muito poucos o são. Mas a meter a "chicha" lá dentro, há poucos como ele, e essa é que é a verdade.

Há 18 dias, Vitor Pereira despediu-se da conferência de imprensa na Luz com um sorriso de orelha a orelha. Ontem, despediu-se com um "até para o ano!". É nas derrotas que conseguimos ver o carácter das pessoas, e ontem, Pereira mostrou-o bem.

Há 18 dias, o Benfica estava a 3 pontos do primeiro lugar no campeonato, nos oitavos-de-final da Champions e nas meias-finais da Taça da Liga. Hoje, o Benfica está a 1 ponto do primeiro lugar no campeonato, nos quartos-de-final da Champions e na final da Taça da Liga. A probabilidade do êxito continua a ser grande, mas temos de ter sempre em conta o "acontecimento contrário"...

CARREGA BENFICA!

O momento do jogo

O Benfica, como já vai sendo habitual, estava mentalmente bloqueado (não consigo fugir ao verbo) pela reviravolta no marcador. Até que ele, no seu estilo sozinho-contra-o-mundo, pegou na bola junto à nossa área e arrancou. Galgou terreno por entre vários adversários e ganhou a falta. O Benfica afastou os seus fantasmas e voltou ao jogo. Quem mais poderia ser? Maxi Pereira.

A minha alegria sofreu um bloqueio...

Devias ter marcado com a mão pa!!!!!




terça-feira, 20 de março de 2012

Fazer...

...história. Uma questão de grandeza.

Pela honra

O jogo de logo à noite do Benfica é para ganhar! Bem sei que TODOS os jogos do Benfica são para ganhar e quem não pense assim no clube, está no sítio errado, claramente!

Mas o jogo de logo para a Taça da Liga (que ninguém liga, porque praticamente, só o Benfica é que a ganhou) é a oportunidade de ouro para o Benfica jogar a honra que tem perdido nestes últimos tempos com o FC Porto.

Só no primeiro ano de Jesus no Benfica é que sentimos o gosto da vitória na Luz, com um golo de Saviola. Desde então, a festa de campeões do FC Porto foi lá o ano passado e este ano sofremos outra vez nova derrota.

Hoje joga-se mais do que um simples Benfica x FC Porto. Hoje joga-se também a honra de uma equipa e a sua motivação para o resto da época. Por isso, logo, só ambiciono a vitória, e nada mais do que isso. Espero que vocês também...

segunda-feira, 19 de março de 2012

Curtas

- Sexta-feira começou bem. Muito bem! Desde os golos de Cardozo, à assistência de Nelson Oliveira, à entrada de André Almeida, o Beira-Mar foi o melhor adversário que o Benfica precisava de encontrar para ganhar motivação para o que falta do campeonato. Até deu para Emerson (esse portento da técnica e da táctica) conseguir perder duas bolas sozinho...

- Por falar em sexta-feira, ficámos também a saber que Drogba não tem medo do Benfica. É bom saber! O exemplo de Dzeko parece que não serviu e os novos ricos que Mourinho ajudou a criar poderão ter uma surpresa. Veremos se Jesus fará o que toda a gente deseja ou se vai seguir o seu instinto como em 2010, em Liverpool...

- Entretanto, muito se falou dos alargamentos da Liga. Ainda bem que a Direcção da FPF, apoiada inequivocamente pela nossa Direcção não quis o alargamento. Mas continua sem se tocar no fundamental: os direitos televisivos. A panelinha está a ser cozida e só espero que o Benfica não saia queimado...

- Por falar em direitos televisivos, têm sido muitas as mensagens e os valores divulgados. Desde os primeiros 40 milhões, aos 22,5 milhões rejeitados, à fasquia mínima dos 30. Com sorte, ainda se fecha o negócio por 25, que é o pretendido. Não percebo é tanta conversa para um fim tão óbvio, dado uma vez mais ao nosso amigo de sempre...

- Como disse e bem o inespugnabile no seu blog, com a derrota do Benfica no basquetebol frente ao FC Porto para a Taça, qual vai ser a decisão do director-geral das modalidades em relação ao treinador do basquetebol? É que para personalidades duplas, o Benfica já está bem cheio...

- Por falar nisso, amanhã temos mais um jogo para a Taça da Liga no nosso estádio, frente àqueles que têm feito da nossa casa o seu salão de festas. Creio que não é preciso recordar quem joga em casa amanhã. Creio que não é preciso recordar quem tem o direito e o dever de estar lá amanhã a apoiar...

quinta-feira, 15 de março de 2012

Eu já escolhi

Sport Lisboa e Benfica - Apoel VS Marselha - Chelsea

Barcelona - Bayern VS Real - Milan


Os senhores da UEFA podem passar lá por casa que já esvaziei uma gaveta do congelador.

Agora Escolha!

- Barcelona
- Real Madrid
- Chelsea
- AC Milan
- Marselha
- Bayern Munique
- Apoel

segunda-feira, 12 de março de 2012

No meio do lodo

No que se tornou o futebol português e com as decisões que hão-de vir, há uma pessoa que sai sempre a ganhar!
Uma dica: é "amigo" do nosso clube!

O Ndrangheta, feito pelos seus leitores

Também tinha reparado na ternura dos viscondes:



contributo do Pedro G.

Na raça...

...e com muita raça!

O Nélson é (efectivamente) um caso sério!

CARREGA BENFICA!

sexta-feira, 9 de março de 2012

3 em 11

Maxi Pereira (SL Benfica)
Maxi Pereira was outstanding in both legs against FC Zenit St Petersburg. So energetic have his displays been of late that he has assumed the moniker 'Benfica's locomotive'. On Tuesday he excelled in defence and attack, scoring the opener in a 2-0 win, and overall was a handful for the visitors to contend with.

Luisão (SL Benfica)
The centre-back was once again the authoritative voice in the Eagles' defence, cajoling those around him and demonstrating sound positional sense that enabled him to snuff out Zenit attacks. Aside from rallying his team-mates he also helped stir the crowd, raising his fists to ask them for help in the closing stages as the tie reached a critical juncture.

Nélson Oliveira (SL Benfica)
Oliveira was another to make his European bow this week. He may have only been on the field for a short time but he stretched Zenit with his strength, pace and diagonal runs. His deflected strike in added time capped a fine cameo performance.

terça-feira, 6 de março de 2012

VENHA O PRÓXIMO!

Os olhos e a poeira

Então parece que o Benfica rejeitou uma proposta de 111 milhões de euros por um contrato de 5 anos com a Olivedesportos?
E rejeitou no dia em que joga com o Zenit?
E rejeitou depois de um fim-de-semana em que tudo se questionou no Benfica, desde treinador a presidente?

Sim senhor, a jogada política está bem feita, mas não engana. Está dado o limite mínimo para o Benfica fazer um encaixe financeiro no que aos direitos televisivos dizem respeito.
Está também dado o mote para os sócios começarem novamente a elogiar esta direcção do Benfica, já que nós não nos queremos dar com o "inimigo", depois da passada sexta.

Depois da notícia de hoje, não faltarão elogios à capacidade negocial do Presidente, à defesa intransigente dos interesses do Clube, a bem do Benfica. Sempre a bem do Benfica!

Continuem a acreditar... 

Sr. Presidente,...

...começamos a remar!

Olivedesportos recusada

Uma decisão que aplaudo (desconhecendo todos os contornos da proposta). Já aqui o disse em tempos: qualquer contrato negociado deve ser de curta duração. E 5 anos (apesar de constituir um avanço relativamente a outros acordos) é, na minha opinião, muito tempo.

Acreditar

Primeiro veio o Zenit. Horário laboral e um streaming manhoso consultado a espaços. Depois o Vitória, noite de velório, 15 minutos de visualização durante um jantar rápido e o azar de nesse período “comer” com o golo vimaranense. Duas derrotas seguidas, inédito na corrente temporada, um sentimento de incompreensão agravado por não ter a real percepção do que se passara naqueles relvados.

Seguiu-se Coimbra, primeira parte desoladora a lembrar aquele período de futebol fraquinho entre o fim de Outubro e o fim de Novembro, uma segunda parte de bom nível a sublinhar a injustiça do resultado. A irritação com o lance de Aimar e a vontade de “espingardar” em todas as direcções. Mas fazia sentido lamentar o erro quando os nossos se mostraram incapazes de acertar com as redes adversárias?

Por fim a Luz, o nervosismo habitual, uma reacção tremenda e os erros do costume. De quem apita, de quem orienta os nossos atletas, dos nossos próprios atletas. O título mais difícil mas ainda ao alcance.

Há muitos erros para avaliar, espero que internamente já os estejam a corrigir. A minha avaliação final fica para o fim da época.

Agora é tempo de acreditar e eu acredito. Acredito no campeonato e acredito em mais uma eliminatória europeia. Pelo menos mais uma. Hoje vamos ganhar e daqui para a frente ganharemos sempre!! Pelo menos em território nacional ganharemos sempre. Esta é a minha fé. Até ao fim!

Carrega Benfica!!!



segunda-feira, 5 de março de 2012

Ensinamentos


Sempre me ensinaram que o exemplo vem de cima.
Neste caso, porém, veio de baixo e encontrou o nosso Rui como representante de todos nós.
Sr. Presidente, não podemos ser apenas alguns a remar: temos que ser todos!

sábado, 3 de março de 2012

Uma questão de ruptura

O jogo de ontem à noite, na Luz foi um remake de outros jogos do passado. Não vou colocar em causa o golo em fora-de-jogo do FC Porto que lhes dá a vitória, mas quem estava no estádio, como eu, não estava à espera que o FC Porto marcasse o terceiro golo e ganhasse assim o jogo? É que eu estava, e não era preciso o Proença dar a ajuda necessária.

E para dizer isto, dizer que Jorge Jesus, mais uma vez, num jogo contra o FC Porto, entrou com medo. E para além de entrar com medo, entrou teimoso, como ele é. E pagou por isso. 

Janeiro de 2012.
Período de transferências de Inverno. Período onde os clubes vêem o que correu mal na primeira parte da temporada e tentam remediar as lacunas. O que fez o Benfica, o seu Presidente e o seu treinador?
Aguentaram uma novela de um jogador argentino, que depois acabou por ter a mãe doente, voltar a estar boa e regressou ao seu país para poder jogar no clube do seu coração, gozando com o clube que pagou 5,5 milhões de euros pelo seu passe e com os colegas que tiveram de se cingir ao regulamento interno.
Dispensaram a alternativa credível que tinham quer ao defesa-direito, quer ao médio defensivo do sistema de jogo, emprestando-o a um dos rivais do clube, que luta neste momento, pelo título nacional.
Não encontraram uma alternativa credível a um jogador que fez 15 jogos pelo campeão francês a época passada e que para alternativa tem um Campeão do Mundo e da Europa, que certamente, só para o treinador actual do Benfica, não serve como jogador do clube.
Contrataram um jogador que estava livre, para uma posição de extremo, que de extremo não tem nada e não era a prioridade das prioridades.

Fevereiro de 2012. 
Luis Filipe Vieira dá uma entrevista à RTP, onde a boçalidade foi a constante a que sempre habituou as hostes. Dizem que há um karma diferente quando o Presidente do Benfica fala, a equipa ressente-se e não sei se o Bruxo de Fafe e a sua amiga fizeram alguma coisa, mas as coisas não começaram a correr como estavam a correr até então.

Estádio da Luz, ontem.
Jorge Jesus aposta em Emerson, como tem vindo a apostar durante toda a época, e o extraordinário defesa esquerdo que só o treinador do Benfica assim o considera, não consegue fazer uma merda de uma cobertura defensiva para o movimento que Hulk faz sempre em todos os jogos. Em todos os jogos!
Jorge Jesus aposta também em Gaitán, pela sua capacidade de improviso e técnica, mas esquece-se que o argentino não gosta de defender, e quando isso resulta com o Paços de Ferreira ou com o Feirense, não funciona com clubes e jogadores que percebam um bocado mais da "poda".

O Benfica conseguiu dar a volta ao jogo e depois não o soube manter. A ânsia pelo ataque, pelo massacre fez com que Jesus, ao ter Aimar lesionado, optasse por Rodrigo, dando espaço ao meio-campo do FC Porto.
O resto é o que se sabe. Expulsão de Emerson, falta de alternativas no banco. Lesão de Garay. E golo em fora-de-jogo.

O que faz com que se questione tudo outra vez. E com razão. Uma equipa que tem uma vantagem de 5 pontos para a outra e em três jornadas fica a 3 não pode justificar o infortúnio com questões de arbitragem.  Não se pode justificar com o sistema, a podridão do futebol, quando para esse mesmo sistema contribui com o seu apoio inequívoco.

O Benfica, nestes dez anos, foi usado como uma bandeira de muitas coisas. Sempre se utilizaram os fantasmas do passado, quando os intervenientes deste presente contribuíram para esse passado. Sempre se utilizaram as palavras de ordem contra o sistema, mas sempre se apoiou o sistema. Sempre se utilizaram as  mesmas teorias da conspiração, mas sempre se alimentaram as mesmas. E assim se mantém.

A SAD do Benfica, nesta altura, está com muita incompetência e com gente que só está a utilizar a mesma para benefício pessoal e não para benefício do clube. Gente como Rui Gomes da Silva (sim, podes andar a perguntar por mim, como andas a perguntar por outros), Domingos Soares de Oliveira, Jorge Gomes, Paulo Gonçalves e outros, onde o profissionalismo é sempre evocado, menos a condição de benfiquismo. Essa condição que as pessoas que mandam no Benfica se esquecem rapidamente e só se lembram quando as coisas estão mesmo más.

Este era o mandato do sucesso desportivo. No primeiro ano, campeonato e Taça da Liga. No segundo ano, Taça da Liga. No terceiro, ainda se poderá ganhar o campeonato, a Taça da Liga e a Champions. Se não se ganhar nada, ou a 4ª Taça da Liga (para se fazer mais umas t-shirts), o que poderá servir de salvação a quem tudo prometeu e nada ganhou?

É urgente o Benfica ter na sua estrutura gente que seja do Benfica, mas do Benfica com cultura de exigência de vitória. De permanente vontade de vencer. De continuar a história que outros fizeram. De ganhar uma posição de domínio no futebol português. E não é preciso virem os chavões de que o sistema está minado. Se o Benfica se socorrer de gente que sabe o que é o futebol português, como as coisas funcionam, como as coisas se preparam, e tendo uma equipa e mentalidade ganhadora, torna-se imparável. E ainda mais grandioso. O problema é as pessoas quererem. E parece que não querem.

P.S. Vieira, uma vez mais, mentiu! Disse na entrevista da RTP que a questão dos direitos televisivos estava resolvida até final do mês de Fevereiro. Acontece que nada está feito. Também disse que não se pronunciava sobre arbitragens e ontem, falou sobre tudo e todos. Realmente, há aqui um karma qualquer esquisito quando o homem fala. Deve ser azar! Ou então, profissionalismo!

sexta-feira, 2 de março de 2012