segunda-feira, 31 de dezembro de 2012

sábado, 22 de dezembro de 2012

E agora, um fat diver:

Como é que se explica o Real Madrid deste ano e o do ano passado?
Fácil, o deste ano tem um equipamento verde; o do ano passado tinha um equipamento da cor do Glorioso.

sexta-feira, 21 de dezembro de 2012

Um Senhor, caralho!!!

Acabo de ouvir a entrevista que o nosso Pablo deu a uma rádio argentina: ainda estou arrepiado!

Obrigado, D10S!

quinta-feira, 20 de dezembro de 2012

BOAS FESTAS!

Boas Festas

Entrámos no período festivo e entrámos bem. Líderes no campeonato, bem posicionados para seguir em frente na Taça de Portugal e primeira vitória no primeiro jogo da Taça da Liga. Os objectivos estão a ser, paulatinamente, atingidos.
Vamos de férias de Natal de barriga cheia e esperamos que a mesma não esvazie pelas praias da América do Sul. 

Amanhã há sorteio de Liga Europa e a escolha do adversário é-me indiferente. Preferia estar no sorteio da Champions, porque a questão monetária é bem mais importante nesta altura. O Benfica, apesar de toda a sua história e valor, não é favorito a ganhar nenhuma das competições europeias esta época. E por isso, preferia continuar na principal prova europeia do que ir para uma segunda liga com alguns bons nomes europeus.

Por isso, as Boas Festas são estendidas também aos nossos leitores. Aos que cá vêm ler, comentar e insultar. A todos, umas Boas Festas! 

terça-feira, 18 de dezembro de 2012

Da impraticabilidade de um relvado de futebol

Esta manhã, em conversa sobre a decisão e as justificações de Proença, alguém, se lembrou deste célebre jogo e do golo de Marlon (com o desenrolar da partida as condições melhoraram). Outros tempos, outros jogadores (menos mimados), outros adeptos (menos comodistas).

domingo, 16 de dezembro de 2012

Azia em doses maciças

Há por aí um artolas na internet que não se cansa de escrever sobre os penalties do Cardozo, percentagens de penalties e afins. É o mesmo que passou um defeso inteiro a tentar ridicularizar os 20 golos da primeira época de Tacuara mas que há meses não tirava a mão da braguilha a pensar nos 20 golos da primeira época do holandês do Lumiar. Ontem, em dois jogos consecutivos, podemos perceber a diferença entre acertar ou não na baliza. Entre 3 pontos e 1 ponto conquistado, restou ao do costume vir escrever sobre golos com ajuda, golos com balizas aberta e, claro está, os penalties. E há quem continue a dar-lhe conversa nas caixas de comentários.

No meio disto tudo lamenta-se que Jorge Jesus, mesmo elogiando Tacuara, venha dar argumentos aos críticos do paraguaio. Valorizem-se publicamente os méritos, esqueça-se o resto. E por falar em méritos, leia-se o PB.

domingo, 9 de dezembro de 2012

Cabeça

É o que é preciso para amanhã. O ambiente será terrível, as provocações imensas e o jogo será de vida ou morte para os de Alvalade.

Por isso, amanhã, muita cabecinha, calma e capacidade de resolverem o jogo, que com a concentração necessária, não falhará.

Com cabeça. De preferência, com a do Garay. Que merece, pela extraordinária época que está a fazer...

sexta-feira, 7 de dezembro de 2012

Depois do desabafo.

Como diz um amigo meu, o Glorioso podia emitir o seguinte comunicado:
"Jogamos quando o SCP quiser".

Ide-vos foder!

Ponto 1 - A direcção de comunicação do Sporting não sabe ler os regulamentos da Liga

Ponto 2 - Para o Sporting, o próximo jogo do campeonato nacional é claramente, como sempre foi, o jogo da época

Ponto 3 - Se o Estádio de Alvalade (curiosamente construído com o apoio do actual Presidente) fosse um estádio funcional (nem percebo como tem as 5 estrelas da UEFA), o que se passou ontem, apesar de toda a chuva que caíu, teria sido possível ao clube arranjar uma solução mais profícua do que a de andar a varrer a relva com rodos

Ponto 4 - Ainda me lembro da esquizofrenia leonina aquando da ida à Luz, por ocasião da estreia da caixa de segurança

Ponto 5 - Também me lembro da tentativa de pegarem fogo ao Estádio da Luz, numa acção que ainda não foi ressarcida ao Benfica

Ponto 6 - Se a SAD do Benfica tiver algum brio profissional, mas acima de tudo, carácter e honra por tudo aquilo que se passou, só poderá dar ao Sporting aquilo que o Sporting merece: jogar segunda-feira, às 20h15, conforme está estipulado

E agora apetece-me dizer isto.

No que diz respeito às dores dos viscondes, é mandá-los para a puta que os pariu.

Update da Alma do Benfica


Mário Coluna tranquiliza adeptos
Por Redação

Mário Coluna já está em casa depois de na tarde desta quinta-feira ter sido observado no Instituto do Coração de Maputo.

A antiga glória do Benfica e do futebol português tranquilizou os adeptos.

«Felizmente o meu coração está rijo», declarou.


UUUUUUUUUUUUUUUUUUUffffffffffffffffffffff...

FORÇA CAPITÃO!!! O MONSTRO SAGRADO NÃO SE ABATE ASSIM!


quinta-feira, 6 de dezembro de 2012

Toda a Força, Enorme Capitão!

Mário Coluna internado de urgência

Curtas da semana

- O Benfica não conseguiu seguir em frente na Champions, num grupo que era perfeitamente acessível para os lados da Luz. Agora, pode-se usar todos os tipos de argumentos para o que aconteceu, mas a verdade é que o Benfica falhou, quando tinha mais do que possibilidades para passar. Resta a Liga Europa. Para os sabichões das contas e afins, para que conste, a passagem aos oitavos-de-final da Champions League dá mais dinheiro do que se vencer a Liga Europa. Mas isso sou eu, que não tenho estratégia para o clube...

- Estratégia tem Luís Filipe Vieira, que usa o clube e instrumentos do mesmo para se auto-promover e auto-proclamar o "D.Sebastião" da Luz, quando o clube estava no nevoeiro tenebroso deixado por esse fantasma chamado Vale e Azevedo. Acho curioso que livros sobre o Presidente do Benfica sejam promovidos na Luz, na presença de jogadores e treinadores do clube, certamente agradados pelos chorudos salários que auferem, mas se há mérito (que há, algum) no trabalho de Vieira, o que dizer de outros que também deram a vida e muito mais ao clube e nem uma linha viram dedicadas? É tão fácil falar nos méritos do Presidente pelas vozes dos meninos da propaganda, mas também é fácil e não é preciso recuar muito no tempo para termos sido goleados no Dragão, o FC Porto ter sido campeão na Luz (e consequente apagão) e termos sido eliminados numa meia-final europeia pelo poderoso Sp. Braga...

- Por falar em Braga, um dos vice-presidentes do Benfica, que também é sócio do clube minhoto (deve ser condição para ser elemento da direcção do Benfica ser sócio de outro clube), foi suspenso 11 meses porque debitou umas alarvidades num programa de TV, mas que não foi capaz de dizer à equipa para se precaver de tamanha frustração. E foi castigado pelo organismo que o Presidente do clube deu um apoio inequívoco, evocando que as coisas iam mudar para melhor no futebol português. Não só não mudaram, como ainda conseguimos ser alvo de chacota...

- Na próxima segunda, temos mais um jogo em Alvalade para o campeonato. Sabemos que para eles, é o jogo do ano, e que para nós, temo o mesmo valor de um jogo contra o Rio Ave ou o Gil Vicente. Espero que o treinador do Benfica se lembre de quem lhe paga o ordenado e não de quem a ele paga o ordenado...

Estado de espírito: deprimido

Com a finalização que deitou por terra uma excelente primeira parte.
Com a ineficácia das bolas paradas.
Com as decisões de Rodrigo.
Com parte das substituições que pareceram desenquadradas relativamente à quebra física da equipa.
Com aqueles últimos minutos em que o Benfica não conseguiu explorar a superioridade numérica, nem conseguiu, dada a quase ausência de recurso ao futebol aéreo, rentabilizar a subida de Luisão para o lado de Cardozo.

Noutros tempos dar-me-ia por satisfeito com a atitude e a entrega da equipa. E em parte estou porque nada podemos apontar ao empenho da equipa. Mas hoje, felizmente, a exigência é outra, pelo que fica o amargo de boca quando todos vimos que outro resultado era possível e deveria ter sido atingido.

Não vou entrar pela teoria da equipa B. É uma desvalorização injusta para a equipa do Benfica que se bateu contra um adversário de valor. Estavam lá Puyol, Villa, Song e Adriano. E estavam Montoya, Tello e Thiago que já são jogadores da equipa principal (os dois primeiros com muitos minutos, muitos mesmo). Apesar de tudo era uma equipa ao nosso alcance.

Que segunda-feira chegue rápido! Para ganhar e recuperar o ânimo!


ps- Garay é enorme! André Gomes sem medo de pisar um grande palco. Bela primeira parte.

quarta-feira, 5 de dezembro de 2012