terça-feira, 26 de novembro de 2013

Champions ou Liga Europa?

O Benfica tem amanhã, a missão de escolher se ainda quer continuar na Champions League ou se prefere passar para a Liga Europa e assim, repetir (ou tentar) o mesmo feito da época passada.

Com umas contas tão debilitadas como as que estão no nosso clube e com a falta de liquidez que isso acarreta (a não ser que haja já uma venda prometida em Janeiro, delapidando uma vez mais a estrutura da equipa), a escolha do clube devia ter sido clara. É preferível, em termos financeiros, uma presença nos oitavos-de-final da Champions League do que vencer a Liga Europa. Já em termos desportivos, uma coisa não se compara à outra.

Para além disso, uma presença na Liga Europa obriga a mais jogos na competição do que na Champions League, o que faz com que o calendário fique mais sobrecarregado, originando maior cansaço, aos quais se juntam as viagens e logísticas a isso inerentes.

Obviamente, que a escolha está tomada na cabeça de Jesus e da estrutura do Benfica.

O que vale a pena questionar, num grupo da Champions League, com Paris SG, Olympiacos e Anderlecht, é se a estratégia adoptada foi realmente a melhor?

Digam de vossa justiça...

1 comentário:

luis disse...

Mister a tal teoria do "pau nas costas". Enquanto vai e vem folgam as costas. O instrumento financeiro cantou 18 milhões. O nº 7 com o "punho forte" do 33º criou aquela dimensão de dependência... limando o assunto, as nossas exibições, os nossos erros, as mudanças no mesmo plantel.
De bola parada poderemos alguma vez imaginar não ganhar, para cair para a liga da 2ª divisão europeia???

Pensar assim, é uma rasteira à Ética Desportiva.
A ambição de jogar ao lado dos melhores é o melhor "doping" para desenvolver as qualidades dos nossos atletas.
Competitividade...Vencer!!!

Nota: Quem vai para o mar, avia-se em terra. O nosso caminho já teve muitos percalços. O pior... aquela noite em paris, com um mau resultado na estatística... de não procurarmos Ganhar.
A estatística mais precisa da liga dos campeões,quando deu um nº7 como 4º jogador a correr mais... não era um bom sinal. Não ganhamos.
Culpar os deuses, os árbitros, o tempo neste grupo é esquecer a angustiante ou anestesiante Pré época.
Com o mal do outros podemos criar unidade... Mas será sempre a politica deste imenso passivo a marcar o caminho...tesouraria e presentes de natal.

Nota: Gostava muito de defrontar a equipe de munique na liga dos campeões. Procurar argumentos para Vencer e fazer esquecer paris. Temos Mística no ADN... lê o Sven que usava aquele chapéu cheio de Cultura !!

http://www.maisfutebol.iol.pt/biografia-eriksson-livro-benfica-pinto-da-costa-fc-porto-portugal/52924ee9e4b094128c0eed2c.html

Benfica Todos Tempos