terça-feira, 13 de novembro de 2012

Curtas do fim-de-semana

- Vitórias em todos os campos (Vila do Conde no futebol, na Luz no hóquei, na Luz no andebol, em Coimbra no basquetebol)

-. Jorge Jesus é esquizofrénico. É a única justificação que encontro para um treinador dizer que tem jogadores no máximo das suas capacidades e os coloca a jogar. Os erros que diz que aprendeu no passado continuam a ser os mesmos. Jorge Jesus podia ser um treinador de topo mundial. Quisesse ele aprender

- A minha concepção no que à qualidade dos jogadores diz respeito é muito simples e óbvia. Ou é bom ou não. A partir daí, olhando para as suas características, para o modelo de jogo da equipa e seu sistema, é apenas uma questão de tempo (neste caso, adaptação no treino ao sistema) até serem titulares ou chamados para a equipa principal. Isto serve para se falar em quatro casos concretos: André Gomes, André Almeida, Lima e Miguel Rosa.

- André Gomes é um dos jovens mais ou menos formados no Seixal com uma capacidade técnica acima da média. Sempre foi reconhecido pelos colegas de equipa como um exemplo a seguir, sendo que no primeiro ano de junior foi logo eleito capitão pelos colegas de equipa. Tem qualidade e é bom. Não há que ter medo de arriscar. Há é que trabalhá-lo no sistema que a equipa utiliza. Se outros clubes não têm medo de arriscar, porque é que no Benfica é sempre um caso?
- André Almeida foi elogiado pela maneira como jogou contra o Spartak no meio-campo. Os mais esquecidos desta coisa não se recordam que foi nesta posição que André Almeida saiu dos juniores para os seniores do Belenenses. Só depois foi adaptado a defesa direito depois. A sua posição original é aquela em que jogou contra o Spartak. Como se vê, não é preciso inventar.
- Lima foi contratado no último dia de Agosto por 4 milhões. Na altura, muito se criticou (aqui também) a contratação, porque o jogador estava no último ano de contrato e porque ia fazer 29 anos. Lima tem a experiência de actuar na Liga portuguesa há já vários anos e isso é uma vantagem, quando comparado com Mora ou Nelson Oliveira. São os 3 bons. E aí, o Benfica está bem servido. Além disso, os movimentos tácticos que Lima dá, em comparação com os outros dois, faz lembrar o Benfica do primeiro ano de Jesus, havendo comparações (na devida proporção, claro) com Saviola.
- Miguel Rosa é outro daqueles casos. Enquanto junior no Benfica, capitão de equipa e um dos melhores jogadores. Esteve dois anos na Segunda Liga e foi considerado o melhor jogador da competição. Logo, o que é que falta para Miguel jogar na equipa principal? Risco. Mas é aí que o treinador tem um papel preponderante. Miguel Rosa executa mais depressa do que pensa o futebol.E isso às vezes traz dissabores. Mas também traz alegrias. E muitas, como se tem visto na equipa B. Cabe, neste caso, ao treinador principal potenciar ainda mais as alegrias e minimizar os dissabores. Mas este também não engana.

- E haveria mais para fazer e dizer sobre a equipa B, que tem feito um campeonato de acordo com o seu valor. Não é uma super equipa, mas também não é nenhuma equipa que possa envergonhar o clube. Tem os seus pontos fortes e os seus pontos fracos, mas o que tem sido pretendido para a equipa B tem sido coerente. E isso é bom. Ao menos que seja até na equipa secundária.

- A SAD do Benfica será eleita para os próximos 4 anos. Num dos campos da convocatória, está escrito o seguinte: "Proceder à aprovação da declaração sobre a política de remunerações dos membros dos órgãos de administração e fiscalização." Não sei se será para discutir a relação prémio/objectivos de Domingos Soares Oliveira e de Rui Costa, se será para definir o que José Eduardo Moniz vai auferir. O que eu sei é que não há almoços grátis...

6 comentários:

GeracaoBenfica disse...

André Almeida formado no Seixal?? LOOOOL Deves estar a gozar so podes.

É tão formado no Seixal como o Nolito.

Mister D disse...

Meu caro Geração,

Leste mal. Eu escrevi que o André Gomes foi mais ou menos formado no Seixal. E que o André Almeida saiu dos juniores para os seniores do Belenenses. Dos juniores do Belenenses. Só se não está tão explícito esta frase, mas foi isto que escrevi...

B Cool disse...

O André Gomes só jogou uma época na formação do Benfica, também não se poderá chamar produto da formação, nem sequer mais ou menos na minha opinião.

Da formação há Miguel Rosa e Leandro Pimenta que já mereciam uma oportunidade.

Alberto disse...

O André Gomes ainda está a ser formado, por isso dizer que não é da formação do Benfica é um bocado relativo. É verdade que não fez dois escalões no Benfica, mas aposto que tem crescido muito mais como jogador neste último ano e meio(?) do que no restante da sua carreira.

Cumprimentos.

Henrique disse...

Mister D,

Tinha a ideia que o Miguel Almeida, nos seniores do Belenenses, sobressaiu a jogar a médio direito na época em que desceram de divisão.

Mas sim, a sua posição natural é a médio defensivo/centro.

Barrotes disse...

" Jorge Jesus é esquizofrénico. É a única justificação que encontro para um treinador dizer que tem jogadores no máximo das suas capacidades e os coloca a jogar."

Não percebi...