sexta-feira, 6 de dezembro de 2013

A estupidez tem limites

Mas Jorge Jesus faz questão, todas as semanas, de a querer sempre superar.

Podemos começar pelo defesa esquerdo que não é defesa esquerdo, mas que tem de jogar para rentabilizar "alguém". Podemos também dizer que depois colocamos Gaitán a defesa-esquerdo, só para ver se funciona e se podemos fazer outro negócio fantástico. Isto, com André Almeida no banco.

Depois, continuamos a apostar na táctica que nos deu o campeonato há 4 anos, mas que tinha um Ramires que fazia toda a diferença. Ainda não tivemos tempo para aprender que a táctica não dá.

Continuar a apostar em Markovic numa ala é continuar a querer queimar um jovem que tem tudo para explodir, mas no meio, solto, à procura da bola para depois partir para cima dos adversários. Não é na ala que o sérvio vai fazer a diferença. Não é preciso ser um catedrático para perceber disto.

Também não é preciso ir aos livros, para, em semana de confronto com o último classificado, os treinos semanais incidirem na finalização. Não é preciso ser um génio da lâmpada para perceber isto. Pelos vistos, houve alguém que não percebeu, para ver os remates que o Benfica fez durante o jogo. 

A cagança e a soberba de que estávamos a jogar com o último classificado (a exemplo do que aconteceu com o Belenenses na altura) fez com que o resultado final fosse o verificado.

E finalmente, a parte final. Sofremos mais um golo de um livre lateral. É inadmissível, depois do jogo com o Estoril o ano passado, que o problema não tenha sequer sido solucionado, como a maioria dos lances de bola parada contra o Benfica sejam sempre um problema para a equipa.

E depois, há a velha questão que se repete, ano após ano, época após época, quando acabam este tipo de jogos na Luz: "O Benfica não consegue aproveitar as benesses que tem". Não é saber aproveitar. Não sabe mesmo. Falta quem tenha dito durante a semana, aos meninos que todos os dias vão ao Seixal, que este jogo era mais importante do que a montra da Champions. O Benfica recebia o Arouca, vai a Olhão e Setúbal, antes de receber o FC Porto. Era o momento ideal para aproveitar esta série de jogos para partir rumo ao título. A escolha foi claramente a contrária...

7 comentários:

Rodrigo disse...

Já que começaste eu concluo.
1º- Põe a titular um gajo que não é defesa esquerdo (mas o gajo sequer é jogador de futebol??) e que não faz um jogo pra aí há 2 meses.
2º- Uma ideia brilhante ao intervalo. Tira o gajo que não é defesa esquerdo, mete um gajo a extremo que não é extremo e passa o extremo para defesa esquerdo. Brilhante!!
3º- Como não fazíamos jogo pelo lado direito (sim, porque ele tinha a extremo direito um gajo que não é extremo) outra ideia brilhante, mete um ponta de lança na frente e passa outro ponta de lança para extremo direito (isto com o Ivan Cavaleiro no banco).
4º- Por último, para não destoar e porque já estava tudo fodido lá mete o Ivan para extremo, tira o trinco e põe o ponta de lança que estava a extremo no meio!!
FANTÁSTICO O NOSSO CATEDRÁTICO!!

José Ramalhete disse...

Mas "o jogo não era decisivo" e o catedrático só tem de se aplicar nos jogos decisivos. Os 4 milhões não dão para mais.

Manuel disse...

Este filho da puta só sai da casca quando há algo de mal com o Benfica. Quando há alguma coisa de bom, e há mesmo muito, nunca diz nada. Cala-se como um rato, como o verdadeiro cobarde que é.
Um gajo que só ganha vida quando as coisas correm mal é um filho da puta!




Mister D disse...

Manuel,
Este comentário passa para as pessoas que aqui vêm, verem como é que tu és na realidade e qual é a tua agenda.

Não preciso de evocar outras pessoas, que tu e eu sabemos bem quais são e quais as suas principais motivações. Mas podes ficar descansado que o teu tempo está a acabar. O teu e o dos teus amigos...

Passar bem!

daniel duarte disse...

E no meio desta merda toda...acaba com o luisao a ponta de lança...brilhante Jesus brilhante...

luis disse...

@Manuel, manuelito já de tenho dito que não é bonito andar a enganar. Mas depois deste teu espectacular ,fantástico, maravilhoso, cirúrgico , oportuno, habilidoso comentário,

"... só sai da casca quando há algo de mal com o Benfica..."

Nota: fdx, algo está mal oh Manel, mas À muito tempo.

Faz B T T, mas só em Benfica.

Gandhy disse...

Hoje deparei-me com um comentário que o nosso Presidente devia ver e aprender.

http://www.zerozero.pt/noticia.php?id=129738

O "vale azevedo" verde, numa semana em que não se falava de outra coisa que não reforços e mais reforços, veio disser que este grupo vai até ao fim. O nosso Presidente, à dez anos na presidência ainda não aprendeu que é assim que se pode ganhar títulos, e não com conversas de champions e melhor plantel dos últimos trinta anos, etc. etc.