sexta-feira, 5 de julho de 2013

Cardozo (agora e depois)

Mantenho o que escrevi há tempos, Cardozo e a sua hipotética saída, é um assunto tratado com uma ligeireza que me incomoda bastante.

Saber-se-à que não vamos encontrar com muita facilidade substituto à altura?

Qual é a acção consonante com o discurso da obrigatoriedade de ser Campeão?

A entrevista de JJ a passar a bola a LFV neste assunto não ajuda em nada a minha inquietação.

Sem comentários: