segunda-feira, 10 de outubro de 2011

La Gloriosa

Até fiquei arrepiado, caralho!


"Panchito Velázquez tem 36 anos, a sua carreira como jogador já pertence ao passado, agora é produtor de vinho, mas as memórias da sua passagem por Portugal e pelo Benfica estão bem vivas.
O argentino assume que os melhores anos da sua vida foram passados na Luz e que o seu maior desejo era ter aí terminado a sua carreira.
«No Benfica vestia a camisola e arrepiava-me, sentia pele de galinha. O apoio que tínhamos era impressionante. Acabavam os jogos e ficava uma hora a dar autógrafos e a tirar fotos. Fazia-o com toda a alegria. Gostava de ter terminado a carreira aí», disse o jogador, em entrevista ao jornal “Record”.
Essa realidade levou-o a aprender a gostar do clube, mais do que qualquer outro por onde passou: «Foi o único clube onde joguei e que fiquei adepto. No Benfica podiam deixar de pagar durante muito tempo que eu jogava à mesma».
A sua vida agora é feita em San Juan na Argentina e está dedicado à agricultura. Mas mesmo numa actividade bem diferente do hóquei em patins, o Benfica marca presença.
No pensamento do jogador está a mudança do nome da sua quinta de “Las Marys” para “La Gloriosa”
.


Repito:


"No pensamento do jogador está a mudança do nome da sua quinta de «Las Marys» para «La Gloriosa»".

4 comentários:

Constantino disse...

É claro que um tipo tem que ficar orgulhoso por estas palavras, mas... «No Benfica podiam deixar de pagar durante muito tempo que eu jogava à mesma».... alguém o mandou embora?

GM disse...

Eu é que me arrepiava de o ver jogar e com a forma como ele vibrava com as bancadas da Luz. Nunca esquecerei aqueles 12 numa SuperTaça contra os do Freixo. O menino Pachito meteu 4 e, arrisco-me a dizê-lo, um deles terá sido o melhor golo que alguma vez se marcou num ringue.

Foste o maior que vi jogar, Panchito. Tu e o Rui Lopes.

Constantino disse...

GM,

Mais que o Rui Lopes, para mim o melhor portugues daqueles anos foi o Paulo Almeida...por muito que a fronha dele me lembrasse o Paulo Madeira com 20 anos e sem cabelo à David Luiz....ou o David Luiz é que tinha cabelo à Madeira??

Abraço.

Astutillo Malgioglio disse...

Paulo Almeida, Luis Ferreira, Vitor Fortunato, o triunvirato dourado...
Tivesse o Panchito nascido uns anos mais cedo e pelo menos 2 Taças dos Campeões Europeus estavam na vitrine. Pelo menos... Porque não tenho dúvidas que muita mais finais teriam a presença do Benfica.