sexta-feira, 19 de março de 2010

Agora é a minha vez

Questões laborais fizeram-me deslocar a Alvalade ontem durante o dia todo.

Começava bem o dia quando atrás de mim se dirigiam os adeptos do Atlético e começaram o motim que haveria de durar até ao início do jogo.

Nos entretantos, duas dúvidas assolavam a minha mente:
- Seria o ambiente em Marselha igual?
- Onde é que conseguiria ver o meu Benfica?

Relativamente à primeira dúvida, não consegui saber nada. Relativamente à segunda, ia vendo a espaços pequenos pormenores (ainda quando estava 0-0) que a equipa estava a responder a todas, repito a TODAS as dificuldades e a arrancar uma exibição personalizada.

Estava no relvado quando oiço aquela espécie de adeptos (diferentes, segundo o Garção) a festejar exuberantemente o golo do Marselha, e aí os meus receios confirmaram-se. No entanto, pouco tempo depois, oiço os adeptos espanhóis a festejar e a gritar "Benfica", pelo que aí fiquei muito mais tranquilo e com a certeza de que aquilo que tinha visto (a espaços) estava a suceder: personalidade contra uma equipa e um ambiente hostil.

Não aguentei. Voltei para dentro do estádio e junto à Zona VIP da lagartagem acompanhei os últimos dez minutos de jogo. A bílis que destilava dos olhos "verdes" sempre à espera de um golo dos franceses era facilmente anulada pela exibição de vontade e querer do Benfica em resolver o assunto. Quando Cardozo ganhou um ressalto e ficou isolado frente a Mandanda e falhou o golo, os suspiros lagartos indicavam medo e a mim confiança. E quando Kardec resolveu rematar para a sua glória e para a do nosso clube, senti-me mais uma vez bem em Alvalade. O desespero era tão grande entre os "verdes" que o meu sorriso não enganava. Ganhar assim dá muito mais gosto.

Agora, não há adversários fáceis. Até o incrível Fulham é capaz de golear uma Juventus, pelo que o sorteio daqui a uma hora é uma verdadeira incógnita. Tenho o feeling que teremos de ir a Anfield Road novamente, se bem que preferia um Wolfsbug ou um Standard. Veremos...

P.S. A mensagem com que o Manini nos brindou anteontem com o nascimento do seu rebento e de onde o rapaz veio, é a prova provada que no Domingo, o jogo não será fácil, bem pelo contrário. A mesma concentração e personalidade terão de ser repetidas, apesar de haver muito público benfiquista, mas naquelas quatro linhas e nos túneis circundantes todo o cuidado é pouco.

Viva o Benfica!

6 comentários:

jose disse...

Da-se D, no osgalaxio a ser turtorado no meio daquele fel todo? Ainda levavas algumas pedradas dos meninos de sapato de vela e polo da Lacoste com o corcodilo de boca abaerta.

Mas que deve ter dado uma pica ainda maior, isso deve.

Mr. Shankly disse...

Granda feeling!

Kaiser disse...

ANFIELD JÁ TREME!!!!!!!

padeiro disse...

os DIABOS VERMELHOS somos nos e vamos provar isso no anfield ..
carrega BENFICA contra tudo e contra todos ...

VHugo disse...

Isso é que é acertar na mosca!

Confiança em alta!

António Pista disse...

Eu acredito na conquista das 3 competições, Taça da Liga, Liga Sagres e Liga Europa, e tu?

http://aguia-de-ouro.blogspot.com/