quarta-feira, 12 de setembro de 2012

Nós só queremos o mal do Benfica

Luís Filipe Vieira disse, em Maio de 2011, o seguinte: "Fico feliz pelo Fisco e pela PJ visitarem o Benfica, temos boas salas para os receber. Não têm é o direito de nos por em causa, nem a mim nem aos Administradores da Benfica SAD. Não pagamos 'off-shores' e todos os contratos são auditados"

Hoje soube-se que o fundo Doyen Sports adquiriu 80% do passe de Ola John.

Convém lembrar várias coisas:
- Este mesmo fundo Doyen Sports esteve em polémica o ano passado em Espanha, por causa das suas ligações a clubes como At.Madrid, Sp.Gijón e Getafe
- A Doyen fica situada em Malta, curiosamente, um paraíso fiscal
- O seu principal rosto é um senhor chamado Claudio Tonolla, também membro de outras sociedades financeiras com base em Malta

Existe alguém que queira perguntar ao senhor que é Presidente do Benfica que raio de negócio é este? Ou agora o Fundo do BES já não serve?

13 comentários:

Manuel disse...

O que é que tem uma coisa a ver com a a outra? Como dizia Suetonius, "O dinheiro não cheira".

Que me interessa se vendemos a uma sociedade "offshore", a uma Gasprom, ou à Electricité de France? Qual é a diferença*? O dinheiro não é igual?O que interessa é que os interesses do clube sejam bem defendidos.

Já agora que ninguém se esqueça que possuir uma sociedade, ou abrir uma conta, sediada num paraíso fiscal, vulgo "off-shore", ou noutro sítio qualquer, não é nenhuma ilegalidade. Qualquer pessoa com dinheiro pode fazê-lo e não comete nenhum crime.

JOSE LIMA disse...

Andais mesmo com os olhinhos tapados.
Quando acordarem já vai ser tarde.

Mister D disse...

Meu caro Manuel,

Decididamente, não sabes ler.

Jota Pê disse...

O Sr. Claudio Tonolla ter ar de homem sério e algum do seu perfil pode ser visto aqui: http://www.credence.com.mt/aboutus.aspx?pg=75

O orelhas anda bem acompanhado...

Anti anti-Benfica disse...

E que tal um candidato? Ó Ms. Dondoka... incha pulha!

MANUEL NUNES disse...

Que tal fazeres uma reciclagem à ignorância para melhor te poderes documentar e escreveres honestamente?

rnrportela disse...

Malta não é um paraíso fiscal. Consideando que estamos a falar de um Estado membro da UE, sujeito a apertadas regras de troca de informações, a Portaria nº 292/2011, de 8 de Novembro, que reviu a lista dos países, territórios e regiões com regimes de tributação privilegiada, deixou de mencionar Malta.

No remanescente, concordo. Total falta de transparência.

Nessuno Dorma disse...

...engraçado...também lá pára o Reyes...

nunomaf disse...

Talvez o facto de o Fundo se extinguir em 2014 e estar neste momento quase completo com jogadores do Benfica tenha a ver com isto?

Compreendo a preocupação das negociatas com estes fundos e até as partilho, mas aqui até me parece que ouve uma estratégia negocial acertada.

Senão fosse com este fundo e dado que o Benfica comprou Sálvio, inegavelmente uma boa aquisição, onde iria o Benfica encontrar parceiro para amortizar parte do investimento feito no Ola John tão rapidamente?

nunomaf disse...

O Reyes e não só Nessuno. Também lá está o Falcão.

Mister D disse...

O que a mim me preocupa é que ainda há gente que acredita nisto.

Que ainda há gente que acredita num Presidente em que a sua coerência não é compatível com o que diz ou com o que faz, e que acha isto normal.

O Benfica que aprendi a gostar ainda tinha homens honestos e de palavra...

LC disse...

Mister D, o Benfica que aprendeste a gostar era um clube apenas, não uma empresa, mas sim, concordo com a tua crítica à contradição do orelhudo.

Hugo Felix disse...

Mister D, como sabes sou assíduo leitor dos teus posts e começo a perceber o teu ponto de vista contra o LFV. A questão aqui é:

1. Alguém se chega à frente para as eleições?

2. Esse alguém conseguirá ganhar?