quarta-feira, 22 de setembro de 2010

Nuances( ou como jogar às Damas é diferente de jogar Xadrez)

Ponto 1- o inespugnabile dá aquela que na minha opinião é a estratégia mais correcta para responder ao repto da Direcção. Parafraseando e destacando:

"Será que o Sport Lisboa e Benfica não devia esclarecer a deliberação dos Órgãos Sociais e afirmar que a recomendação de não ver jogos fora não se estende aos grupos organizados de sócios, que se deslocam a todos os estádios do mundo? É que uma coisa é não termos ninguém. Outra, completamente diferente, é só termos os adeptos "profissionais"! Até para defesa da integridade da própria equipa..."

Ponto 2- um ataque exacerbado a toda a estrutura arbitral neste momento, é dar o ouro ao bandido. Se lerem bem o Comunicado há um véu que se pode levantar no final da época, atentem:

"Assinalamos a coragem que teve por assumir erros que influenciaram resultados de vários jogos e penalizaram gravemente o Sport Lisboa e Benfica, confirmando, dessa forma, que a actual classificação da Liga está adulterada."

Para bom entendedor...

5 comentários:

Nessuno Dorma disse...

Isso não iliba os referidos ignorantes.

piazzanuova disse...

Depende tudo da estratégia a longo prazo. Veremos se se trata de ignorância ou estratégia.

Veremos.

Cosimo Damiano disse...

Andamos há 30 anos a jogar xadrez!!!

Estamos na quinta jornada e eu recuso-me a esperar por resultados no final do ano.

Uma semana depois de Guimarães o resultado foi mais uma chuva de cartões para os nossos.

Aconselho a que a direcção empine depressinha " A Arte da Guerra" e combata em que campo for necessário como for necessário.

Esperar? Só pelo resultado do próximo jogo!!!

piazzanuova disse...

Se releres a "Arte da Guerra" dar-me-ás razão. E não, não passámos os últimos 30 anos a jogar xadrez. Jogámos demasiado às damas.

Abraço.

Jaime disse...

E jogar à bola... não?