terça-feira, 28 de setembro de 2010

Recordando o Verão...

...andava eu por terras andaluzas, quando tropecei "em uma espécie de entrevista" do Papa publicada no Expresso. Na altura, como bem recordo, disse ao piazza que o Papa discursava com a sua habitual impunidade, sem que o "pobre" jornalista fosse capaz de transformar aquilo numa verdadeira entrevista e não numa declaração unilateral de interesses...

Ontem, do alto da sua unilateralidade, o Papa soltou a sua lábia e brindou-nos com isto:

“Sei que não vamos vencer sempre, mas quando não o conseguirmos não faremos almoços com jornalistas para encomendar comunicados.


Palavras para quê: é um artista português!


PS: claro está que nenhum jornalista foi capaz de relembrar a conversa tida com o senhor do pato...

1 comentário:

VHugo disse...

Vozes de Burro...

http://forcamagicoslb.blogspot.com/2010/09/calma.html