quarta-feira, 17 de agosto de 2011

A saída de Jara e o rumor Almeida

Assim seja oficializado o empréstimo de Franco Jara ao Granada o Benfica fica com 5 avançados no seu plantel. Um deles, Rodrigo Mora, é uma verdadeira incógnita. Com uma utilização tão residual, e depois de 6 meses sem competir, nem conhecemos a sua qualidade, nem percebemos se fará parte do plantel. Caso JJ se decida por jogar com apenas um avançado em cunha, parece-me que a matéria-prima do Benfica chega e sobra. Mas se a opção por 2 avançados surgir regularmente, o Benfica poderá necessitar de mais um avançado. E aqui entra o bolso de Jorge Mendes, ansioso por recuperar a verba que garantiu a colocação de Hugo Almeida em Istambul. Espero que o rumor que hoje se intensifica não se confirme e que o Benfica resista à influência do empresário, que 10 milhões é muito ouro para a qualidade do em tempos designado Vieiri das Antas. E faz-me muita confusão que tantos benfiquistas desejem a vinda do português cometendo a heresia de o comparar ao paraguaio!! Ao longo da sua carreira, a média de aproveitamento do português é bastante inferior à do paraguaio (0.28 contra 0.58 golos por jogo), pelo que as semelhanças se resumem ao facto de serem canhotos e altos. E a altura, num campeonato onde o melhor avançado mede 177cm, parece-me um factor sobre-valorizado. Prefiro confiar nos 180cm de Rodrigo e nos 186cm de Nélson Oliveira. Até prova em contrário, confio que têm muito mais a dar ao Benfica que Hugo Almeida.

1 comentário:

Irons disse...

O Rodrigo Mora, está para mim, como um Saviola, mas mais velocista, o Saviola dos tempos de Velocidade, pode não ter a mesma capacidade técnica do Saviola, mas pode ser uma mais valia, mas quem eu quero ver jogar mesmo é a dupla Nelson Oliveira - Rodrigo, deve ser engraçado!Agora mexer na equipa para esta gente entrar, é que me parece mais complicado!