terça-feira, 27 de janeiro de 2009

Gajas boas e pernas à mostra

Sempre que fui a Paris no Inverno - a melhor época para visitar a cidade das luzes - fiquei arrepiado com a quantidade de gajas que enfrentam aquele frio com as pernas à mostra. A verdade é que moda pegou e chegou a Portugal.
Entretanto, explicaram-me que as meias altas que as acompanham protegem, suficientemente, do frio e permitem que a moda da mini-saia dure o ano todo.
Ainda bem!
Hoje, dia 27 de Janeiro de 2009, depois de gastar uma fortuna no selo do carro (imposto de circulação), chego a casa e deparo-me com o relato da conferência de imprensa de Mesquita Machado.
Ainda bem...
Então não é que o homem, segundo diz, já sabia de tudo (o que é tudo?) antes do jogo Braga - Porto e só depois de ver o que se passou é que decidiu demitir-se, dizendo que dirá tudo o que sabe na Procuradoria?
Sr. Eng. Mesquita Machado, V. Exa. anda na política desde o 25 de Abril - embora desconfie que já anda desde 24, 23, 22, ... -, anda no dirigismo desportivo há 30 anos, é um edil eterno e, mesmo sabendo de tudo, só agora decide meter a boca no trombone? Porquê?
Sr. Eng. Mesquita Machado, V. Exa. defendeu, com todas as forças que tinha, o Dr. Gonçalves Pereira e as suas asneiras, pugnou pelo arquivamento do processo deportivo do "apito dourado" e agora pretende falar com o Procurador e contar-lhe tudo o que sabe?
É que se, permita-me, contar tudo o que sabe, até o Cónego Melo volta, do inferno, saliente-se, à terra para o mandar calar!
Meus caros, caso o homem falasse - e é evidente que não o vai fazer -, o sistema ruia...
Agora, perguntam-me Vas. Exas., o que é que a moda da mini-saia no Inverno tem a ver com a demissão do hipócrita edil de Braga?
Nada e tudo. Tudo e nada. É que ver mini-saias no Inverno, apimentadas por meias grossas e transparentes, com botas de cabedal a compor o cenário, é tão estranho como pensar que da cabeça do Eng. virá qualquer coisa honesta.
Apesar de a primeira situação ser, sublinho, muito mais estimulante, a segunda seria uma autêntica bomba atómica sobre as instituições do Estado - todas!

5 comentários:

Anónimo disse...

Brilhante post!

Pessoalmente acho muito mais estranho o Mesquita Machado meter a boca no trombone do que ver mini saias no Inverno. Nem que as respectivas pernas andassem a passear no círculo polar ártico.

Estímulos à parte, é mesmo mais fácil o mulherio andar vestido com fio dental na neve ou mesmo o cónego melo ressuscitar, qual Lázaro, que o Engenheiro autárquico / dirigente desportivo / assiciativo / federativo denunciar qualquer coisa que acrescente algo ao que foi exposto nas escutas do Apito Dourado

Coglionne Nero

Anónimo disse...

Estás a esquecer-te é da parte em que ele diz que já sabia que o árbitro do Benfica-Braga foi alterado. Essa parte não te convinha referir no post, pois não? Hehehehe

Anónimo disse...

Aliás, na notícia cujo link aí colocaste, ele nem fala em saber do que quer que seja antes do jogo Braga x Porto... Ai como sabe bem distorcer a nosso favor! Pois é, pois é.

Remate Cruzado disse...

o anónimo que comentou antes é muito pouco inteligente.

até convinha bastante falar-se no post isso do árbitro do benfica-braga ser alterado.

é que... como é que o mesquita sabia quem era o árbitro antes da nomeação? não podia saber, se as regras fossem cumpridas.

outra coisa engraçada, é a forma como ele falou. ou seja, ele quis dizer que o árbitro combinado para roubar o benfica era outro. se calhar até era o paulo costa que depois deu 3 pontos ao porto.

depois... o mesquita, que permitiu que o porto fosse à champions deste ano contra as regras, não ia chegar a esse nível de afronta ao sistema de que sempre fez parte.

caro anónimo, aprende a ler. não basta juntar as letras.

Kaiser disse...

Eu, ao nível particular, prefiro a parte das mini-saias.