quinta-feira, 22 de janeiro de 2009

Os cornos dos bois!

Por inveja, ciúme, mesquinhez, tacanhez e algum arrivismo, a nossa geração arrisca-se a perder a oportunidade de ver um Mundial a disputar-se em Portugal e Espanha.

Sem qualquer vergonha, assumo: defendo o Mundial conjunto, seja em que ano for. Se, para tanto, tivermos de construir um estádio, que se construa!

Ter Madail à frente da Federação, não é argumento para não se querer, como me começa a parecer...

5 comentários:

Manini di Vata disse...

Quero o Mundial! Aceito umas remodelações e algumas lavagens de cara. Mais um estádio, não! Não chegam 7 estádios com menos de 10 anos e 2 completamente renovados na mesma data?

Manini di Vata disse...

Não são dez anos, mas sim quinze.

editor69 disse...

Na altura da realização hipotética desse campeonato todos os novos estados terão cerca de 15-16 anos...terão que ser feitas adaptações tanto a nivel de acessibilidades como de outras infraestruturas...nenhum dos do lado de cá da fronteira poderão receber a abertura ou a inauguração...
por outro lado penso existir coisas mais prementes da sociedade portuguesa...muito mais gritantes do que um investimento de novo que afinal não tem o retorno que dizem ter...ainda mais quando mete a Espanha...que sejamos realistas terá uma projecção maior que Portugal!
Abraços.

Capo Rosso disse...

Por mim, há que avançar... sem estádios novos.
Querem poupar? Metam o TGV na gaveta, mantenham a Portela no activo e apertem a anilha durante uns anos, a ver se não enchem isto ainda com mais merda.

Desculpem, mas estou mal disposto.

Pedro disse...

Não vejo onde é q o Estádio da Luz, daqui a 10 anos, precise de remodelações de fundo para receber o jogo inaugural do Mundial...

Como alguem disse: lavar a cara chega e sobra com a qualidade dos estádios q temos. Num mundial conjunto Portugal dará uns 4 estádios no Máximo: Luz, Dragão, Guimarães/Braga e Algarve chegam e sobram. Obras de manutenção, pinturas etc.

E venha de lá esse mundial!!!