terça-feira, 7 de julho de 2009

Benfica Interior e Benfica Exterior

Todos nós temos 2 Benficas na Alma. Um é comungado e partilhado por todos. O outro é pessoal e indivisível, a nossa criação do princípio ao fim. Há o Benfica de Resultado e o Benfica de Promessa, ou como gostaria de cunhar o termo: O Benfica Potencial.

O Benfica Potencial é uma busca incessante e incerta com um final perfeitamente identificado : A conquista da Taça dos Campeões Europeus de forma continuada.
Foi este o standard erigido pela fabulosa equipa dos anos 60. As imagens imorredouras de José Águas a erguer bem alto as duas Taças, estão gravadas para sempre no nosso imaginário. E aí reside parte do problema.

Estranho, não? Algo que nos deveria servir de linha orientadora para o Futuro, tornou-se silenciosa e continuamente numa bússola traiçoeira que nos afunda cada vez mais num pântano emocional de expectativas frustradas e sôfrega ansiedade, todos os anos secretamente renovada. Quem daqui não pensou já, por um segundo que fosse, na possibilidade concreta de vencermos a Taça UEFA este ano?

Esta luta de Benficas é na minha opinião o grande problema do Benfica Real, aquele que existe em campo e nos gabinetes, bem fora do alcance dos nossos sonhos e expectativas. Agarrámo-nos tanto ao nosso Benfica Potencial que progressivamente marginalizámos o Benfica Real, ou Exterior. Vejo-o acontecer quase todos os anos: Os primeiros assobios, as primeiras clareiras nas bancadas, os desabafos queixinhas nos cafés.

Colocámos de tal modo alto a gestão das nossas expectativas interiores, que, quando a prática não corresponde ao ideal, tudo desmorona. E seria relativamente simples travar esta espiral de desencanto: CRENÇA!

Crença nos Órgãos Sociais. Crença nos jogadores. Crença nos técnicos.

Crença crente! Abolir de alguma maneira as construções mentais que fazemos do Benfica, o seu modelo de jogo, os jogadores x na posição y, a relação com os advresários, etc. CRER! SOBRETUDO CRER! Em Nós!

Este é um problema profundo e que não se fica apenas pela bancada, na direcção também é real e palpável, pois bastas vezes deparamos com projectos diferentes dentro do mesmo projecto. As pessoas tem de devolver o seu Benfica Potencial às mãos de quem nele trabalha. Temos de adormecer o Benfica Potencial para ajudar o Benfica Real, pois apenas este será capaz de cumprir o anterior.

Benfiquistas, há que ter fé. Fé no Benfica, Fé nos Benfiquistas. Temos de gostar um pouco mais de nós. Temos de nos valorizar mais.

Temos de voltar às raízes do Clube. O Benfica é, efectivamente, um Clube de vitórias, mas acima disso é, de génese, um Clube de luta.

Um Clube fundado pelos ostracizados de uma sociedade monárquica e desigual, erigido com o sangue daqueles que com o vermelho que lhes saía do corpo para ter que comer, encontraram no associativismo uma forma de mitigar as dficulades do corpo e da alma e ascender a um plano social menos agreste. Tudo isto foi conseguido com luta, sangue e muito, muito suor.

Não foi uma união de Benficas Potenciais que fez o Benfica Real, foi a vontade em tornar Real o Benfica, que agora nos permite Potencializá-Lo!


É bom que não nos esqueçamos NUNCA das nossas origens. É fundamental que não percamos as nossas genéticas referências, e isso tem de ser provado no dia a dia, não apenas na pré-época. Nada de desânimo se o fulano vai para ali, ou o outro fugiu para acoli. Temos o que temos e é isso que nos vai fazer vencer. Não o que poderia, deveria, ou quereria...

Somos Benfica! Somos tantos...tantos...se nos unirmos a sério! Se não o fizermos ficaremos pelo Benfica Potencial, e apesar de gostar de sonhar, penso que é altura de agir.

Vamos tornar o Sonho Real! Viva o Sport Lisboa e Benfica!!!



">

7 comentários:

GeracaoBenfica disse...

Num dia em que estou mais que fodido por o Presidente de todos nós (mas mais de uns que de outros) ter voltado a FAZER MERDA em negociações... o que menos preciso é que venhas por agua na fervura e fingir que "NO PASSA NADA".

Nem consegui ler o texto todo.

piazzanuova disse...

Mas tu és parvo, ou fazes-te? Dizes que não leste o texto e ainda me vens foder o juízo com o Falcao? quero é que o Falcão se foda!

Apostem no puto Nélson Oliveira!

Este post extravasa o homem que dirige o Benfica, ó meu antivieira, nem tem nada a ver com ele, tem a ver CONNOSCO, e ao estares fodido c a estória do falcão só demonstras ser parte do problema QUE SE TIVESSES LIDO O TEXTO identificarias!

GeracaoBenfica disse...

Eh lah! Picou? Fez doi-doi?!

Tem lá calminha com as ofensas e impropérios, senao ainda deixas indiciar que "te toquei na ferida".

Es sempre o primeiro a saltar a terreiro (e acho bem) a defender as coisas boas e dar a conhecer os factos que entusiasmam os benfiquistas.

Quando algo corre mal, enches o blog com tres e quatro posts de seguida e avança-se com uma "ode ao Benfiquismo" e faz que conta que "no passa nada".

O texto, que entretanto li, está bem escrito e corroboro na totalidade, mas escolheste o momento errado, porque neste momento é importante perceber porque estas coisas continuam a acontecer. O que justifica isto... deixou de ser "picardia" para passar a ser regra anual.

Caso não tenhas percebido isto tem impacto directo na preparação da equipa. Chegamos a Julho e o dito avançado tao desejado ainda nao está contratado e continuamos a fazer prospecção à borla para rivais e/ou adversários.

ISTO TEM QUE TER UMA EXPLICAÇÃO. Anualmente ha sempre reforços que se perdem para rivais, raramente o inverso, e negociações relevantes que demoram eternidades.

Estou-me a cagar para quem as fez ou faz... e essa parvoice que escreves de "anti-vieira" é uma perfeita ignorancia sobre a minha pessoa.

Agora é importante é não por paninhos quentes quando erramos, senao continuaremos toda a vida (como parece) a persistir no erro.

O que pretendo é que possamos (clube e adeptos - dado que estes já faziam do Falcão o CR da Colombia) corrigir estas situações em conjunto e não deixar que se repitam.

PS- Já agora, isto nao se trata do jogador em si, porque como tenho vindo a escrever até é alguem que não me entusiasma nada.

piazzanuova disse...

O que me irrita é que alguém venha dirigir críticas sem ler o texto. Isso deixa-me fulo.

Quanto ao timing, ouve bem(ou lê), não há timing para discutir aquilo sobre o qual escrevi, é um texto e uma ideia que deve ser discutida. Como não ando aqui a reboque dos acontecimentos estou-me a borrifar para o facto do texto ter saído no dia em que falcao voou. Indiferente.

Agora o que não é indiferente é a tua reacção e a de muitos sócios, há jogadores para todos, e enquanto continuarmos a dar ênfase a estes "golpes", continuaremos a dar ao plantel que já lá está a sensação de que não são suficientemente bons. E isso não é defender os jogadores do Benfica.

O que quero é que saibamos defender mais e melhor quem cá está, não ficar enxofradinho pq um tal de...foi para outro lado. Se soubermos tratar melhor quem temos, provavelmente n precisaremos de passar por isto. Ou achas que quando precisarmos MESMO de um jogador para determinada posição falhamos? Dou-te exemplos: Petit; Luisão; Léo; Geovanni; Tiago; Cardozo;Sidnei; David Luiz; Simão; Ramires; Katso; Di Maria; Aimar;

Há que ter maior carinho por nós, pá. Há que criar também cumplicidade com os jogadores que lá estão, não ansiar sempre por alguém melhor, e ficar lixado qd n se consegue, lá está, qd o Benfica Potencial n corresponde ao Benfica Real.

GeracaoBenfica disse...

Ahhhhhh assim já estamos a falar em Português! Mas não fui eu que andei a "alimentar" que tinha informaçõe do Falcão pra lá, Falcão pra cá...

Concordo 100% contigo nos dois ultimos parágrafos... so lamento que a direcção não concorde contigo.

inespugnabile disse...

apoio integralmente o que escreveu o piazza

LC disse...

piazza, tas lá.