quarta-feira, 1 de julho de 2009

É bom que estas merdas nos aconteçam e que saibamos o preço da justiça que temos

Independentemente do mérito, devemos respeitar uma decisão dos tribunais, ainda que pareça absolutamente descabida.


O Sport Lisboa e Benfica foi citado para se opor a uma providência cautelar - que simplesmente não foi indeferida liminarmente -, o que, nos termos legais aplicáveis, suspende a decisão impugnada - isto, saliento, observada a própria citação e o que tem sido dito.


Por contactos que desenvolvi durante a tarde de hoje, sei que os juristas que aconselham o nosso clube entendem que as eleições se devem realizar. E devem realizar-se com as duas listas concorrentes.


Não vou discutir a providência, até porque não é este o local adequado - sei que há uma questão levantada de incompetência em razão da matéria que me suscita as mais sinceras dúvidas! -.


Digo-vos, apenas, que as eleições não se deviam realizar na sexta-feira por um motivo: Bruno Carvalho só é candidato porque beneficiou de uma interpretação estatutária ampla e benevolente de Manuel Vilarinho. Ampla e benevolente, para não dizer contrária aos estatutos. Penso que, atendendo ao estado das coisas, essa decisão de Vilarinho deve ser impugnada, por dois motivos: para que os estatutos sejam cumpridos - e interpretados, até - e para que Bruno Carvalho aprenda que a justiça não serve caprichos pessoais.


Sei que nada disto vai acontecer, que as eleições se realizarão na sexta-feira e que Luís Filipe Vieira será o Presidente do Sport Lisboa e Benfica durante o próximo triénio. Mas este processo está a ser complexo e doloroso, o que merece uma reflexão profunda de todos os associados do Sport Lisboa e Benfica.

11 comentários:

Capo Rosso disse...

Pois, meu caro, embora as decisões dos Tribunais devam ser respeitadas, também a decisão do povo o deve ser.
Quero com isto dizer que, embora fossem proibidas manifestações a 24 de Abril de 1974, nada impediu a vontade do povo, mesmo contra a Lei (boa ou má, era a lei).
Se houver alguma decisão que impeça LFV de ser Presidente do SLB e se para o seu lugar for o bruno carvalho, então acho que é altura de uma revolução para restabelecer a vontade popular.
Acho que lutamos contra um poder imenso (com mais de sete patas) e temos de estar preparados para tudo. Por mim, vou até onde for preciso... Nem que vá contra uma decisão do Tribunal.

Capo Rosso disse...

E mais: vou começar manobras para uma Assembleia Geral que expulse de Sócio do SLB este escroque...

LC disse...

Capo, vai dando notícias das manobras que sou um dos que estarei ao teu lado.

Coglionne disse...

Conta com 20 votos meus. E se for preciso a minha assinatura para para alguma moção para aprsentar à mesa propriamente dita basta dizer.

Mas primeiro há que dar-lhe uma tareia nas urnas, para essa lesma oportunista entenda a sua real dimensão no universo do Glorioso.

Capo Rosso disse...

Estive a ler todos os 105 artigos dos estatutos do SLB

(www.scribd.com/doc/.../Estatutos-Sport-Lisboa-e-Benfica)

e em relação oa que o bc usa como impedimento para LFV se candidatar, li apenas isto:

ARTIGO 33º

1. Quando os orgãos sociais estejam demissionários, atinjam o final do seu mandato ou este esteja extinto nos termos dos estatutos, os seus membros continuarão a desempenhar os respectivos cargos, até serem substituídos.
2. Do incumprimento do disposto no número anterior resultará a impossibilidade de, durante seis anos, poder desempenhar qualquer cargo nos orgãos sociais, salvo se, para tanto hajam ocorrido razões de força maior, devidamente justificadas.

A minha pergunta vai para ti, inespugnabile, que és mais destas áreas:

o incumprimento referido em 2 refere-se a não desempenhar os respectivos cargos até à sua substituição, certo?
Então, onde é que LFV falhou?

Este gajo anda-me a meter nojo e só peço que esteja na Luz quando eu for votar (embora, provavelmente, vote por correspondência a partir do antro em que vive)...

Francisco disse...

Legalmente o Bruno C. não poe ser presidente do SLB: Artigo 23º Os cargos dos órgãos sociais são desempenhados por sócios efectivos que, à data da eleição, perfaçam pelo menos cinco anos de filiação associativa ininterrupta nessa categoria…

João Almeida disse...

Caro Benfiquistas verdadeiros.

Parece-me que está a chegar a altura de começar a "limpar e preparar" as "armas".

O NOSSO BENFICA ESTÁ MUITO DOENTE

Não é admissivel em nenhuma instituição o que se está a passar no nosso BENFICA.

Estamos perante TERRORISMO PURO.

A memória das pessoas não pode ser limpa a partir de sexta feira.Os danos causados ao clube e sads não pode cair no esquecimento.

É altura de moderação com alguns actos de euforia que venham a aparecer e partir para a luta.

Este bando de AYATOLLAH`S tem de pagar caro e bem caro ,este estado de TERROR implantado.

PARTAMOS PARA A LUTA NA LIMPEZA de GENTELHA DESTA DO NOSSO BENFICA.

COMO NOTA FINAL.

ESTOU PREOCUPADO PORQUE NINGUEM DO VERDADEIRO BENFICA SEM SER O PRESIDENTE APARECE A DAR O CORPO ÀS BALAS.

Acho que tem a palavra os srs SEARAS. MARTINS. e outros apoiantes da FAMOSA " LISTA DE HONRA"

Gostava de ouvir um comentário vosso sobre esta lista que não aparece. Lista de apoiantes de LFV.

SAUDAÇÕES BENFIQUISTAS

NOTA:PARTAMOS RAPIDAMENTE PARA A LIMPEZA.A ESCUMALHA TERA O QUE MERECE.

AS REGRAS DESTE JOGO ESTAO VICIADAS, ENTAO APLIQUEMOS AS NECESSARIAS PARA MEMÓRIAS FUTURAS.

R. disse...

Eu acho que essa interpretação lata de Vilarinho foi precisamente para emendar a mão.

Claramente terá percebido, ou foi alertado para tal, que a sua decisão poderia ser alvo de contestação que levasse à impugnação das eleições.

Nada melhor do que permitir que Bruno Carvalho concorresse contra Luís Filipe Vieira. Não levantar ondas! Na prática não faria sequer mossa!

A verdade é que a imprudência com que este assunto foi tratado tem deixado o Benfica muito mal tratado!

Mais do que estarem preocupados em tirar a cadeira a Carvalho - ele não tem a mínima hipótese face à contestação de sequer aquecer o lugar - devem estar preocupados de efectivamente Luís Filipe Vieira não poder ser presidente nos próximos 6 anos.

Eu, apesar de crítico da sua gestão desportiva, tenho de reconhecer que o Movimento se mostrou frágil e LFV é o que oferece mais garantias neste momento. Ele que até esteve bastante bem na entrevista de ontem à SIC Notícias...

Ainda assim acredito que isto vai parir um rato...

Por último gostava que lançassem um debate sobre a decisão de excluir alguém de sócio do Benfica. Eu sei que é um assunto melindroso mas assusta-me ver a forma como se defende essa solução de forma algo leviana...

Imaginem amanhã estar da direcção do Benfica alguém de quem discordam radicalmente de forma aberta e pública. Imaginem que alguém se lembra de propor que sejam excluídos de sócios do Benfica! A ideia arrepia!

Rui P. disse...

Inespugnable, se me permites o tratamento por tu e o pedido, queria solicitar-te, dentro do que te for possível, na qualidade de sócio, que apresentes uma providência cautelar - nos mesmos termos que aquele... enfim, nem consigo adjectivar - para suspender a candidatura do BC, com base na falta de condições de elegibilidade. Acredita que se estivesse aí (PT) o faria de imediato!

LC disse...

Capo, lê o artigo 22º que é por aí que o Car_alhinho pega.

Capo Rosso disse...

Eu li o 22 e continuo a não entender...

E já estou como o LFV: estes gajos não vão entrar no Benfica. E mais: é altura de expulsá-los de sócios, uma vez que, segundo a alínea a)do artigo 13, os sócios devem defender intransigentemente o prestígio e a dignidade do SLB, dentro das normas da educação cívica e do desporto

Como agravante, na alínea e) do número 4 do artigo 78, está o resultar da infracção o desprestígio público para o SLB...

Mas, como eu não percebo nada desta merda, proponho o tratamento à moda da marinha grande.