terça-feira, 16 de novembro de 2010

ferida que dói e não se sente...

Nuno Gomes, o nosso capitão, tem sido um mal amado desde que pisou, pela primeira vez, o nosso estádio.
Mal amado por público, dirigentes e alguns treinadores.
Nunca o foi por mim que, até, cheguei a dar uma pequena tareia num meliante que, indignamente, o assobiou no antigo terceiro anel (quando digo pequena é mesmo pequena, considerando que a besta fugiu a tempo e não o voltei a ver ali nas zonas).
Vem isto a propósito das opções de Jorge Jesus. Não vou discutir se fez bem em deixar o capitão jogar, em 11 jogos para o campeonato, 15 minutos - média de pouco mais de um minuto por jogo-. Para Jorge Jesus, creio, até jogou demais...
O que penso ser aflitivo é perceber que Nuno Gomes não jogou a titular contra o Arouca, mas que Jorge Jesus lhe entregou a grande responsabilidade (capitanear o Glorioso é sempre um acto de grande responsabilidade) de jogar pelas reservas no jogo da Liga Centenário contra os juniores do Real Massamá.
Ou seja, admite-se que Nuno Gomes seja carta fora do baralho (não devia, mas admite-se). Mas já não admito que Nuno Gomes não sirva, sequer, para jogar mais do que um minuto por jogo, muito mais perante a lesão de Cardozo.
Mas aqui está uma matéria em que Jesus deve ter total liberdade, para que depois possa, com independência, ser julgado.
Sucede, no entanto, que a história de Nuno Gomes no Benfica será sempre maior, como jogador, do que a história de qualquer outro jogador que por cá tenha passado nos últimos 20 anos...

10 comentários:

Gandhy disse...

Nuno Gomes é um símbolo do clube, com historial para ficar na história do mesmo. Isso é indesmentível. Está a existir muita especulação jornalística para a sua titularidade, o que é um claro exagero, mas que o Capitão merece mais minutos, é uma verdade pura e dura.

aj disse...

Porém, qualquer pensamento a respeito é compreensível. Compreensível porque o que acontece no futebol desse país, fora das quatro linhas, realmente é para se pensar que exista. Afinal, “se você usasse trancinhas azulk e branco não seria punido” porquê sera .

O Nuno Gomes merece ser feliz no Benfica ou na china !

Carlos Alberto disse...

Gostei neste post caro inespugnabile, haja alguém que nestes últimos dias tenha tocado no ponto correcto: 'o mal amado' Nuno Gomes.
Desde Domingo à tarde têm aparecido na Blogosfera muitos Nunistas de 7º ano que tal como os adventistas do 7º dia só ficaram devotos demasiado tarde. Quando o SB ainda era um espeço democrático lembro-me de ter lá discussões no mínimo acaloradas contra os imbecis invejosos que tratavam o Nuno Gomes por 'amélia' e que lhe vaticinavam tanto tempo de jogo como ao Mantorras sendo que até gostavam mais deste último pois não corriam o risco da namorada se enamorar por ele.
Ora esses imbecis (de cuja inveja agora sobre o Peixoto) viraram os melhores defensores do Nuno Gomes mas nós sabemos que a ideia é mesmo atacar o Presidente através do treinador (agora que se percebeu que afinal não vai ser despedido).

Quanto ao imbecil que fugiu de ti no terceiro anel só lamento que não tenho vindo de lá de cima a rebolar!!

joo disse...

quando vejo Homens como o Nuno Gomes ostracizados no meu clube, a coberto de um efemero sucesso de um qualquer treinador, chame-se ele josé, chame-se ele jesus, sangra abundantemente a minha alma benfiquista, a ele, ao Torres, os Batista, ao wilson, ao rui, peço perdão... não que tal infame intento tenha tido eu participação activa, mas simplesmente porque os sucessos desportivos me toldaram, ontem e hoje, a clareza de espirito para dizer BASTA!!!!
O NUNO PERTENCE-NOS!!!TAL COMO O BENFICA LHE PERTENCE!E POR MIM NÃO SAÍRÁ NUNCA!

estou desde já disponivel para contribuir de alguma forma para passar uma clara mensagem a direcção do Benfica, que nem dignidade teve para pôr o dedo no nariz do jesus, fandas as tristes declarações que teve no domingo.
JJ, isto não é o teu clubezeco sediado no lumiar, o benfica é o regaço de uma gloriosa História, é feito de homens de honra, de mistica, de anónimos, muitos de uma massa de gente humilde, mas séria, que sabe honrar aqueles que por si lutam!
Vitóris a todo custo? Não obrigado, enganaste-te na porta.

Gandaia disse...

Metam o Nuno Gomes a jogar no Benfica até aos 40 anos.

Ele tem história no Benfica por isso metam-no a jogar até aos 40 anos.

Metam também o Mantorras e o Moreira que já cá estão há muito tempo.

Estes é que são bons!!!!

Dasse

Gandaia disse...

O Nuno Gomes em 11 épocas de Benfica tem 6 títulos, sendo que 2 deles foram conquistados o ano passado.

Até chegar Jorge Jesus, tinha 10 épocas e 4 títulos.

É preciso dizer mais?!

Cosimo Damiano disse...

Não. Com uma argumentação tão brilhante não vejo mesmo como é possível ripostar...

Eu sei que por sermos os maiores temos de ter de tudo... mas às vezes custa!!!!

PB disse...

Faltam adjectivos para qualificar tudo o que de bom o N.Gomes tem, é, será e significa para o Benfica.

Não se confunda isso, no entanto, com capacidade para jogar mais tempo num plantel rico como o do Benfica. Pode jogar mais minutos sim, em jogos que, tal como este já estejam resolvidos. Mas, desses, têm havido poucos esta época...

Astutillo Malgioglio disse...

O Nuno não tem que jogar sempre, mas deve ser chamado a jogo sempre que se justifique. Jesus até teria razão naquela "estória" de ter 6 avançados diferentes se recorresse às qualidades e à experiência do capitão. Não foi só por isso, mas aposto que o Lyon não marcaria 3 golos ao cair do pano com o Nuno a fixar a defesa francesa.

DeVante disse...

Gandaia,

1000% de acordo!

Bastou marcar um golito para virem todos exigir "mais minutos" para o capitão!

Mas querem títulos ou querem "justiça"?

Mais minutos em detrimento de quem? Aimar? Saviola?

"Ah e tal, o Cardozo está lesionado..." Pois esteve, mas todos não são unânimes em afirmar que o Nuno não é um matador tipo Óscar?

Eu até concordava que, em vez do Kardec, devia-se meter o Nuno...mas isso sou só eu!

Se Jesus fizesse isso, todos lhe cairiam em cima, que o Kardec é jovem, que merecia oportunidades, que isso e aquilo...