sábado, 21 de agosto de 2010

Não é piada fácil porque não tem piada, mas é mesmo verdade

Roberto garante pontos.

Gostava de poder estar do lado dele, mas não consigo. Ou se calhar consigo. É o melhor para todos: Roberto tem que sair do 11. Agora, não façam dele o bode expiatório. Há mais problemas. Muitos.

3 comentários:

Arthur Dayne disse...

Será nestes momentos que se vê o estofo dos verdadeiros Benfiquistas. Eu sei - e não será preciso fazer um exercício mental muito complicado - que durante os próximos dias, todos os tópicos estarão carregados de comentários vitriólicos e de vitupérios. É agora que vamos escolher a nossa atitude - ou escolhemos a que nos levou a ser campeões o ano passado, em que éramos como um só, ou escolhemos aquela que nos divide e faz com que os nossos adversários se riam á nossa custa. Eu sei qual é a minha atitude.... nos bons momentos e nos maus, nas vitórias e nas derrotas, sempre, sempre Benfica. É assim, e só assim que vamos lá, quando somos uma família e queremos todos o mesmo. Mas não, aparentemente há muitos benfiquistas que por aqui andam que mais têm em comum com os adeptos de outros clubes... piores até, são verdadeiros arautos da desgraça. Não me passaria nunca pela cabeça afirmar que o campeonato já estava perdido á segunda jornada. Jamais, em tempo algum, pensaria isso. A minha condição de Benfiquista impede-me de tal. Porque ser Benfiquista exige que eu acredite sempre, mesmo quando o futuro não é risonho. É por isso que eu tenho em mim a fé que a vitória está sempre ao nosso alcance. O Benfica precisa de quem o apoie, sempre e incondicionalmente, mesmo tendo em conta que não há nada nem ninguém maior que o Benfica : nem jogadores, nem treinadores, nem presidentes. Acima do Benfica, nada.
Quem apoia, e apoia sempre e com convicção, quem faz críticas construtivas, quem traz realmente coisas boas para o Benfica... esses sim, são os verdadeiros adeptos, são quem vive e ama o Benfica acima de tudo. Pelo contrário, aqueles que se deleitam com as desgraças do Benfica, e que, qual predador á espera que a sua presa cometa o mínimo deslize se sentem inchados por contribuir para a causa dos nossos adversários, aqueles que, sentindo o Benfica, olham para o futuro e não vêm nada de bom, e fazem questão de contribuir para que esse futuro vislumbrado seja uma realidade, então para esses há outros nomes, e certamente Benfiquista não é um deles.
Bem sei que vivemos numa sociedade democrática, num estado democrático, e que o nosso clube, (e acima de todos os outros), é de igual modo democrático. Como tal, entendo e respeito que os outros que sentem e vivem o clube tenham outras opiniões, por muito díspares da minha que sejam. Afinal, é esse o direito que eles têm... mas uma democracia não é só feita de direitos, existem também deveres... e por muito direito que tenhamos a ter a nossa opinião, negativa embora ela seja, há sempre um dever que se sobrepõe : o de apoiar o Sport Lisboa e Benfica, hoje, amanhã e sempre.
É nestes momentos que sinto que grande parte dos benfiquistas não sabe, ou não quer saber, ou não se lembra, o que significa o lema do clube... 'Et pluribus unum'. Um por todos, e todos por um. A união faz a força.
A questão é, aproveitamos as adversidades para nos unirmos como uma família, ou fractura-mo-nos e voltamos á miséria que o passado recente nos habituou?

Viva o Sport Lisboa e Benfica!

VHugo disse...

Há muitos problemas sim senhor, mas a saída do Roberto resolve boa parte deles...É que uma equipa com confiança faz milagres!


http://forcamagicoslb.blogspot.com/2010/08/chegou-altura-de-parar-com-brincadeira.html

Rosmano disse...

Para mim e o bode expiatorio. Toca a tira-lo da equipa e por o Julio Cesar a jogar.