segunda-feira, 11 de abril de 2011

Enorme coração, pouca cabeça

O enorme coração que mostrámos contra o PSV é equilibrado pela falte de cabeça que os nossos suplentes mostram cada vez que são chamados a jogar.


Por isso mesmo se justificam as contratações que por aí se anunciam: a nossa segunda linha é demasiado fraca para não ser renovada...


Sucede, porém, que com jogos para a Liga Europa, Taça de Portugal e final da Taça da Liga, o campeonato passou a ser a nossa última prioridade. Por isso mesmo, derrotas como a de ontem incomodam-nos enquanto adeptos sérios, mas pouco incomodam quem por lá anda, que tem obrigação de ganhar títulos.

2 comentários:

ad.eternum SLB disse...

Saudações Benfiquistas

http://adeternumslb1904.blogspot.com/

L. disse...

isso não é assim. se a segunda linha joga toda de uma vez, claro que não pode jogar bem. se o porto meter toda a segunda linha acontece o mesmo, se o barcelona o fizer, idem. qualquer equipa tem um plano que pressupõe que está a espinha dorsal da equipa titular.

temos vários bons jogadores na segunda linha, que se metidos apenas 2 ou 3 no onze titular o rendimento continua alto. vários mesmo.